Professor Hariovaldo Almeida Prado

30 novembro 2010

Amargo regresso: O espetáculo deprimente no Rio de Janeiro

Filed under: Relatos Pessoais — Hariovaldo @ 14:28
Tags: , , ,
Gen. Patton

O ministro da Defesa precisa tomar providências urgentes para retomar o território dos homens bons

É lamentável que no meu retorno a este pobre país tupiniquim, ao parar no Rio de Janeiro para uma escala técnica, me depare com uma cena deprimente, onde reina o caos, um vai e vem imenso de gente morena, subindo e descendo, muita correria, choro de crianças para todo lado, uma verdadeira visão do inferno. Onde está o BOPE, os Paraquedistas do Exército, os Fuzileiros Navais para invadirem e retomarem das mãos da gentalha este território que já foi nosso ?

Caos aéreo

Invasão de bárbaros

Até quando teremos que suportar esta invasão bárbara aos aeroportos brasileiros pelas as classe inferiores? A onde está o glamour, o charme e a elegância de outrora? Bons tempos aqueles quando a nata se encontrava nas salas VIPs, onde era comum fazermos reuniões informais entre os nobres componentes da sociedade nacional.

O descanso da gentalha

Agora temos que conviver com os assalariados, os empregados, os moradores dos subúrbios, com suas malas e sacolas bregas, cheirando a perfumes baratos, um horror. Hoje em dia qualquer sujeito que mora num cubículo e nunca leu um livro sequer acha que pode viajar de avião, mais um absurdo promovido por esse governo usurpador que aí está. É deveras lamentável voltar ao Brasil e encontrar o país desse jeito.

29 novembro 2010

Paris je serai de retour

Filed under: Relatos Pessoais — Hariovaldo @ 07:28
Tags: , , , ,

Après un merveilleux week-end à Paris, Ville Lumière, malheureusement, nous nous préparons à retourner au Brésil. Pendant ce temps, restez-vous avec une chanson sublime, très différente de la musique de la canaille  (MPB).

25 novembro 2010

Enfin la civilisation

Filed under: Relatos Pessoais — Hariovaldo @ 16:05
Tags: , , ,

Champs Elysees

Ah Paris, enfin la civilisation. Peu importe que les bonnes hommes ont perdu le Brésil, nous toujours aurons Paris. Ritinha et moi venons d’atterrir à l’aéroport Charles de Gaulle et nous nous dirigeons à l’hôtel. Elle a suggéré que nous restons dans un inconnue “l’Hôtel de Ville” que sa cousine de Taubaté a recommandé, mais je préfère rester à l’hôtel Royal Garden Champs Elysees dont je suis un habitué. Pour moi, l’Hôtel de Ville me semble à l’hébergement pour la foule. Demain, nous allons déposer des fleurs sur la tombe du Maréchal Pétain, puis je vais rencontrer Jean Marie Le Pen pour le conseiller sur la question de l’immigration. Les banalités chaque fois que je suis à Paris. À bientôt mes amis. Vive la France!

24 novembro 2010

Lembranças de quando o Brasil era só dos homens bons

Filed under: Relatos Pessoais — Hariovaldo @ 17:19
Tags: , , , , ,

Ô tempo bom que não volta mais, quando o Brasil era mais altivo e progressista, governado por um presidente culto, humanista, bem preparado e verde oliva! Desculpem-me a melancolia, mas às vezes temos que nos esconder no passado para não sofrermos com os horrores do tempo presente. Acho que vou passar o final de semana em Paris para meditar um pouco. Au revoir.

22 novembro 2010

Quem segue o bom caminho suporta todas as penitências

Filed under: Relatos Pessoais — Hariovaldo @ 20:19
Tags: , , ,

Cílicio

Neste momento terrível no qual as forças do dilmolulismo parecem triunfar sobre a nação indefesa, precisamos mais do que nunca perseverar no sagrado combate pela libertação total das chagas marxistas opressoras do Brasil.

Disciplina

Tenhamos fé, amados irmãos numerários e supranumerários, pois à partir de São Paulo conseguiremos livrar todo o país das hostes petistas para o nosso bem. Lembrem-se,  o comunismo malévolo foi derrotado na Polônia pelos santos homens, haveremos de derrotá-lo aqui também com a força de nossas ações e orações. Alvíssaras!

Próxima Página »

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.