Professor Hariovaldo Almeida Prado

5 dezembro 2010

Tudo de mau se repete neste bananal

Filed under: Relatos Pessoais — Humberto @ 10:30
Tags: , ,

Humilhados

A imagem não deixa margem para dúvidas: mais uma vez o povo brasileiro é humilhado pelo festival de incompetência e corrupção que assola este bananal outrora chamado “Brazil”. As boas famílias, pagadoras dos impostos escorchantes e tementes a Deus padecem na carne toda a sorte de malefícios e castigos inenarráveis, que só encontram paralelos nos textos bíblicos e na literatura que trata dos crimes dos marxistas.

Como pode um homem de bem programar suas férias em Miami ou Paris se, ao chegar nestes escombros que o subgoverno petralha chama de “aeroportos”, um processo de tortura atroz terá início? O cidadão defrontar-se-á com os mais evidentes sintomas de uma catástrofe anunciada.

Oh, São Serapião, vós que sois o clemente! Permiti, vós, que as boas e puras criaturas que restam nesta terra recebam, ainda em vida, as bênçãos e bálsamos que aplacam as tenazes dores que invadem nossa alma!

Anúncios

87 Comentários »

  1. O Doutor José Serra ia indicar a Doutora Mayara Petruso para presidente da INFRAERO para dar cabo dessa questão. Como não foi possível devido as fraudes das urnas, teremos que derrubar a bulgara escarlate o quanto antes.

    Comentário por Mauro — 5 dezembro 2010 @ 10:59 | Responder

    • Doutora Petruso iria resolver da melhor forma possível: eliminando os vôos para o nordeste.

      Comentário por Professor Temístocles Sabóia Filho (o bom) — 5 dezembro 2010 @ 11:28 | Responder

      • Professoral e bondoso Temístocles Sabóia Filho,

        Sem ‘animus polemicum’, acredito que a boa e branca Doutora Petruso desviaria os aviões do Ne para alto mar, com combustível para umas cem milhas.

        Que São Serapião permita aos radicais radicalizarem.

        Comentário por Don Joze de Pan y Agua (I) — 7 dezembro 2010 @ 11:09

  2. e porar falar em Mayara Petruso….estará curtindo seu esporte predileto ou esta aguardando o Jd. Pantanal encher para afogar e matar Nordestino….

    Comentário por Dona Mariá — 5 dezembro 2010 @ 11:20 | Responder

  3. Caríssimo Comendador Amadeu.

    Brinda-nos mais uma vez com uma crônica realista, com uma visão sensata dessa realidade sombria na qual os vermelhotes mergulharam nosso auriverde torrão.

    Comendador, vossas lágrimas, vossa dor, também são minhas. Ainda mais para mim, que estou em voluntário exílio, em meu humilde Chateau, na Suíça.

    Clamo a São Serapião que nos ajude e guie a vós Comendador Amadeu e Magister Hariovaldo, nossos guias filosófico-cultural-espirituais.

    Sanctus Serapionius Vobiscum Seculum Seculorum.

    Amem.

    Comentário por Professor Temístocles Sabóia Filho (o bom) — 5 dezembro 2010 @ 11:39 | Responder

    • Caro confrade Temístocles.
      Existe uma luz ao fim do túnel.
      Faço minhas as palavras deste escritor ímpar ,que é o Luis Fernando Veríssimo.

      Pesquisa recente concluiu que a elite brasileira é mais moderna, ética, tolerante e inteligente que o resto da população. Nossa elite, tão atacada através dos tempos, pode se sentir desagravada com o resultado do estudo, embora este tenha sido até modesto nas suas conclusões. Faltou dizer que, além das suas outras virtudes, a elite brasileira é mais bem vestida do que as classes inferiores, tem melhor gosto e melhor educação, é melhor companhia em acontecimentos sociais e é incomparavelmente mais saudável. E que dentes!

      A pesquisa reforça uma tese que defendo há anos, segundo a qual o Brasil, para dar certo, precisa trocar de povo. Esse que está aí é de péssima qualidade. Não sei qual seria a solução. Talvez alguma forma de terceirização, substituindo-se o que existe por algo mais escandinavo. As campanhas assistencialistas que tentam melhorar a qualidade do povo atual só a pioram, pois, se por um lado não ajudam muito, pelo outro o encorajam a continuar existindo. E pior, se multiplicando. Do que adianta botar comida no prato do povo e não ensinar a correta colocação dos talheres, ou a escolha de tópicos interessantes para comentar durante a refeição? Tente levar o povo a um restaurante da moda e prepare-se para um vexame. O povo brasileiro só envergonha a sua elite.

      Se não tivéssemos um povo tão inferior, nossos índices sociais e de desenvolvimento seriam outros. Estaríamos no Primeiro Mundo em vez de empatados com Botsuana. São, sabidamente, as estatísticas de subemprego, subabitação e outros maus hábitos do povo que nos fazem passar vergonha.

      Que contraste com a elite. Jamais se verá alguém da elite brigando e fazendo um papelão numa fila do SUS como o povo, por exemplo. Mas o que fazer? Elegância e discrição não se ensina. Classe você tem ou não tem. Mas o contraste é chocante, mesmo assim. Esse povo, decididamente, não serve.

      Se ao menos as bolsas-família fossem Vuitton…

      Comentário por Rolando Pinto Brochado IV — 5 dezembro 2010 @ 17:08 | Responder

      • Mr. Brochado,
        Quanto júbilo em lê-lo, Conde Amadeus.
        Acho que uma solução emergencial seria um rodízio de povo.
        Todos os nordestinos, teriam que passar por São Paulo e se encantar com as grifes da Oscar Freire, com a graça do templo Dasluziano da nossa querida impoluta Tranchesi.
        Claro que teriam que renovar seus clósets.
        Depois levaríamos todos ao Fasano, para que aprendam a se comportar à mesa e a manejar os talheres.
        O bouquet dos vinhos da região de champagne, enfin os tornaríamos viáveis e válidos.
        Depois levaríamos os gaudérios, antes de mais nada ao Rodeo para que vissem como comer churras com class.
        Deixaríamos por último os índios amazõnicos, por serem criaturas extremamente perigosas e selvagens,
        O pessoal do Centro oeste não precisaria ser incluído no ridízio. Combinaríamos com Katinha Abreu e ela os domesticaria comme il faut.

        Comentário por vipissima — 9 dezembro 2010 @ 08:48

  4. Vá cagar no mato, Seu Amadeu.

    Que papo furado! Esses trouchas e eleitores do Zé Bolinha que fiquem nas filas vendo a nova classe média embarcar.

    Se quiserem que comprem um helicóptero. E rápido, porque daqui há pouco a nova classe média vai começar a comprar também!

    Comentário por Asclepíades maria de Jesus — 5 dezembro 2010 @ 11:50 | Responder

    • Ignaro Sr. Asclepíades (isso lá é nome?)

      Fique o Sr. sabendo que o auxiliar Amadeu (juntamante com a Ritinha e a Samantha Houser, honoráveis ajudantes do mestre Hari) são pessoas que falam porque sabem das coisas. Nada é gratuito aqui nesse site: os homens de benz estão sempre atentos ao aspecto socio-econômico da plebe. Pouco adiante o seu furor e o uso descompassado de palavras chulas.
      Ah! antes que me esqueça: vai almoçar, fabrício!

      Comentário por H. ROMEU PINTO — 5 dezembro 2010 @ 12:22 | Responder

    • Oh Dona Maria.
      Como ousas lançar insultos de baixo calão contra a impoluta figura do Comendador AmaDeu ?
      Achas que ele prové suas nescessidades desta forma.O Comendador usa o toallete.
      Retrate-se agora e penitencie-se nas tampinhas de Crush ,no aperto do cilício ,e quando fores ao mato(coisa típica da escumalha) limpe-se com folhas de urtiga ; nada de usar folha de bananeira!

      Comentário por Armante Souto Mayor Barroso — 5 dezembro 2010 @ 20:32 | Responder

    • Insultante Asclepíades.
      Podes não saber, mas já temos nossos helicópteros e jatinhos.
      Porém, para que possamos construir nossos aeroportos particulares temos que ter autorização deste desgoverno que assola a nação auriverde!
      De que adianta termos nossos bólidos aéreos, se não temos onde pousá-los?
      Ai meus sais….por acaso achais que somos passageiros das TAMs, Azuis e Gols da vida?
      É contra esta falta de aeroportos para os homens bons usaresm com exclusividade que, por certo, o Conde Amadeu escreveu a missiva que origina estes comentários.
      Valei-nos São Serapião

      Comentário por D. Sebastião — 5 dezembro 2010 @ 22:16 | Responder

    • Vai você Maria de Jesus vai com as outras.
      Para alegrar um pouco este site com esta foto deprimente no topo :

      Comentário por Padre Iscariotes — 7 dezembro 2010 @ 14:24 | Responder

  5. CHAPELUDO, BANANÍSTICO E GALEÃO CUMBICA MESTRE HUMBERTO AMADEU

    Realmente professor. Nossos aeroportos se tornaram uma filial do inferno, uma rodoviária de Brasília, São Paulo e quejandos, onde cruzamos com pobres exalando os mais fétidos miasmas de ovos coloridos, cerveja barata, torresmos amanhecidos e caracu com ovo!

    Mudando de assunto. Notícia do Cloaca. Parece que até cabeleireras farão parte da “equipe de transição de Dilma” conforme experto jornalista, Breno de Tal, da sempre democrata Folha de São Paulo. Dizem que a mulher fala três linguas, é advogada, já viajou por inúmeros países, mas não justifica! Afinal, o que importa é o que fica! Uma vez pobre, sempre pobre! De que adianta ela ser trilíngue; ser advogada e o escambau se no seu íntimo a pessoa permanece com a alma de “pobre”. Vide o exemplo do Adriano. Que depois de conviver nos ambientes mais sofisticados da Europa só se sentia bem na Vila Cruzeiro, traçando churrasco de carne de segunda e linguiça de gato com os “manos”. A pobreza nunca abandonou o infeliz!

    Ah, mas ela só trabalhou cinco meses, por conta de uma fase difícil, em que ficou desempregada, dirão os petelhos. Não pode!!! Se fosse nobre de fato não se submeteria a isso! Venderia a coleção de peles, vestidos Armani, perfumes, móveis, mas não trabalharia de cabeleirera!

    Saudações!

    Comentário por Padre Quevedo — 5 dezembro 2010 @ 12:26 | Responder

    • Que isso sua reverendissima, vir até este site e confessar que visitou um blog sujo e ainda teve a ousadia de ler a matéria lá contida.Sugiro ao senhor que arrependa-se deste gravissimo pecado, inicie uma trezena, aperte o cilício e ore muito para que Chico Bento XVI não tome conhecimento de suas faltas.E tem mais, penitencie-se com a chibata , se os braços cansarem arrume uns coroinhas que prontamente lhe atenderam nesta piedosa cruzada pela fé e redenção.
      Que S. Serapião tenha misericórdia de sua pecadora alma.

      Comentário por T. Melo Rego — 5 dezembro 2010 @ 14:03 | Responder

      • Tens razão confrade parente dos Collor, mereço umas boas chibatadas aplicadas pelos meus “coroinhas”, mas não só pelo pecado de penetrar no espação fétido do Cloaca, mas também por escrever:

        Cabeleirera ao invés de CABELEIREIRA

        Perdão e Saudações!

        Comentário por Padre Quevedo — 6 dezembro 2010 @ 11:08

      • Sr. Melo Rego, sem dúvida, és o membro desta confraria que eu mais admiro. Ninguém expressa opiniões tão verdadeiras e de forma tão facilmente entendível e divertida como tu. Gosto dilmais da forma como colocas tuas considerações, porém, tens falhado muito na gramática. Com certeza tens confiado demais em teus serviçais… Ah! Eu posso falhar. Não tenho conhecimentos tão, supostamente, amplos como os teus… Mas contunuarei te admirando! E acho que já falhei o suficiente.

        Comentário por Catarina — 10 dezembro 2010 @ 01:25

  6. “Yes, nós temos banana” (Alberto Ribeiro e João de Barro)

    Yes, nós temos banana
    Banana pra dar e vender
    Banana, menina tem vitamina
    Banana engorda e faz crescer

    Vai para França o café
    Pois é
    Para o Japão o algodão
    Pois não
    Somos da crise se ela vier
    Banana para quem quiser

    Yes, nós temos banana
    Banana pra dar e vender
    Banana menina tem vitamina
    Banana engorda e faz crescer

    Mate para o Paraguai
    Não vai
    Ouro do bolso da gente
    Não sai
    Velho ou menino, homem ou mulher
    Banana para quem quiser

    Vou expirementar folhas desidratadas da bananeira… e para não esquecer:
    “Se meu chapéu fosse do tamanho da sua bunda, certamente a porta precisaria ter 2 metros” – por vipissima 3 dezembro 2010.

    Comentário por Mare Hollysmoke — 5 dezembro 2010 @ 13:03 | Responder

  7. Caríssimos militantes peessedebistas:

    Nosso sonho não morreu, apenas foi adiado para 2014!

    Em maio próximo vencerá o mandato do atual presidente do PSDB, senador Sérgio Guerra. Dessa forma, nós, militantes peessedebistas estamos todos convocados a integrar as fileiras do MAS – Movimento de Apoio ao Serra – movimento que tem o nobre e patriótico objetivo de oferecer sustentação ao Doutor José Serra para que ele seja escolhido Presidente Nacional do PSDB, de onde será catapultado para a candidatura presidencial do PSDB na próxima eleição presidencial..

    Esse cargo é agora de vital importância para os nossos objetivos. Nosso candidato às eleições presidenciais deverá ser anunciado nos primeiros meses do ano de 2013 e ninguém melhor do que o Doutor José Serra, na qualidade de presidente nacional do PSDB, para anunciar o lançamento de sua própria candidatura para a eleição presidencial de 2014.

    Assim, é de fundamental importância conquistarmos a presidência nacional do PSDB para o fortalecimento do projeto presidencial serrista.

    Não podemos, de forma alguma, renunciar ao nosso sonho de um grande Brasil serrista. O Doutor José Serra, desde criança, vem trabalhando num projeto para o Brasil e cabe a nós, peessedebistas e tucanos conscientes, viabilizar a plena realização desse projeto. Temos certeza de que a história brasileira ainda haverá de referir-se ao futuro presidente do Brasil como Serra, o Grande.

    Podemos imaginar a Grécia sem Alexandre, Roma sem Júlio César, a França sem Napoleão? De igual forma seria torturante imaginar que, na hipótese impensável de Serra jamais chegar à presidência da república, nunca teríamos a oportunidade de saber o que seria o Brasil governado pelo Doutor José Serra.

    Avante serristas!. Um futuro risonho nos espera. Alvíssaras!

    Comentário por Leitor da Veja — 5 dezembro 2010 @ 13:51 | Responder

    • Leitor da Veja
      Concordo contigo em número , gênero e grau , más acho que esta empreitada só terá sucesso quando neutralizarmos o Aécin , afinal como é sabido ele tem feito homéricos esforços para sabotar o mais preparado dos brasileiros.Creio eu que nosso presidente de nascença deveria lançar sua candidatura ao trono do planalto já em 2011, para qua a plebe se acostume com sua reluzente careca.

      Comentário por T. Melo Rego — 5 dezembro 2010 @ 14:10 | Responder

      • Confrade Rego: do Aécin não devemos ter medo, pois ele Pó de mais, mas não é páreo para D. José.

        Comentário por D. Sebastião — 5 dezembro 2010 @ 22:17

    • É isso que acontece aos leitores da Veja. Vivem num mundo virtual e perdem todo e qualquer contato com a realidade.

      Serra é um cadáver político. A questão agora é enterrar e rezar a missa de sétimo dia.

      Na própria seara tucana ninguém considera possível mais uma candidatura presidencial de Serra. Serra hoje tem apenas algumas viúvas no blog do Uncle King e entre os velhinhos caducos aquí deste blog, como é o caso do senhor Leitor da Veja que, certamente, já deve ter passado dos noventa.

      A questão é quem se encarregará de dizer isso a Serra pois os tucanos morrem de medo dele. Não apareceu ainda o tucano corajoso para colocar o guizo no gato.

      O afastamento de Serra entretanto não significa, de forma alguma, que o candidato será o mineirinho Aécio. Candinha Mexeriqueira está apostando que o candidato presidencial tucano em 2014 será Geraldo Alckmin. O PSDB conseguiu bons resultados apelando para o obscurantismo religioso. Alavancou sua votação do patamar tradicional de 40 para 44% apesar de Serra não ter convencido nem um pouco no papel de carola piedoso e para fazer isso ninguém melhor do que Alckmin que será, sem dúvida, muito mais convincente neste papel.

      A questão da aposentadoria de Serra é realmente muito delicada. Seria um desastre político se Serra, revoltado, saísse por aí dizendo cobras e lagartos dos outros caciques tucanos. Sabe-se que ele está insatisfeito com muita gente, principalmente com o tucano Aécio.

      Candinha Mexeriqueira está apostando um legítimo gueijo mineiro que Aécio não será candidato pelo PSDB em 2014. Se Aécio sair candidato, será por outro partido.

      Comentário por Candinha Mexeriqueira — 6 dezembro 2010 @ 07:10 | Responder

      • Candinha, entrastes para a Confraria dos Fabrícios?

        Comentário por D. Sebastião — 6 dezembro 2010 @ 10:04

      • Caro Dom Sebastião

        Permita-me discordar de Vossa Sapiência, só desta vez.

        Candinha nunca será da confraria dos fabrícios. Ela já é antiga neste espaço e assim como Che, Júnior, Carcará, etc. sabe muito bem o que lê, apenas gosta de nos provocar, para fomentar o diálogo e a boa discussão. Para ela também dediquei alguns versos psicografafos de mestre Patativa:

        Falo de Candinha Mexeriqueira
        Que é petista até a alma
        Vive criticando os confrades
        E sempre perdendo a calma
        Com aqueles que não concordam
        Com seu pensamento obtuso
        Pois apesar de ter bom senso
        Dele não faz bom uso

        Saudações!

        Comentário por Padre Quevedo — 6 dezembro 2010 @ 10:58

      • “Gueijo” , oque seria isso Dona Candinha lingua viperina das alterosas. Se queres apostar algo que tal um “queijo”Rockford ou até mesmo uma mussarela de búfala . Por isso devo adverti-la que “queijo Minas” é coisa da gentalha , que aprecia tal iguaria acompanhada de goiabada. Blearg! Que coisa mais pobresca!

        Comentário por T. Melo Rego — 6 dezembro 2010 @ 11:33

      • Para a Srta. Candida,

        Que Deus em sua infinita bondade, e compreensão pelos menos evoluidos, a perdoe por suas idiossincrasias e pela sua temeraria audácia de femea obnubilada pelo petelhismo.

        Somente a literatura psiquiatrica poderá explicar sua total falta de discernimento, suas idéias desclassificadas ,ou quem sabe clarear a devassidão que rege sua mente carcomida; o diagnóstico mais plausivel é que o consumo de fortes doses de cachaça,baforadas de cannabis, mergulho no crack, noites mal dormidas após as orgias de fornicação entre petelhos de sua laia, proporcionaram a voce estes pensamentos sem pé nem cabeça, MAS te perdôo, pois és uma coitada que vive a margem da sociedade, afundada na pérfida ideologia do petismo.

        Volte para a luz, serás sanitizada, depois recebida em nossos clementes braços, como uma recuperada provarás do queijinho mineiro que Aécio fornecerá, em pó, ao tragardes o fumo da redenção irás esquecer, por completo, sua vida de devassa petista, as orgias homodepravadas, e será tal qual Sonia Francine, mais uma mulher boa, fiel a democracia dos bons e justos, esquentara a flacida barriga no fogão, à esfriará lavando roupa, sendo assim uma femea recuperada e feliz para todo o sempre, rezarei para ti, e procriarás rebentos fortes e belos que serão admitidos em nossa Santa Ordem (OD). AMEM !!!! Ex-Mexiriqueira avie-se, os bons,belos,cheirosos aguardam sua visita e sua contrição.

        Comentário por Aurelio Monte y Vaz — 6 dezembro 2010 @ 19:44

      • Nobre Pároco (por certo pertencente à não menos nobre Prelazia fundada por Escrivá, e autorizada a funcionar pelo Sanctum Paulus II).
        Agradeço suas sempres edificadoras palavras. Sois o Padre Vieira da modernidade. Só falta vós organizar seus Sermões e publicá-los. Por certo suas peças oratórias nada deixarão a dever ao Sermão da Sexagésima (por exemplo), no qual o bom Padre Vieira defende que não pode haver palavras dissociadas de obras (inclusive o Jesuíta teve dissabores com os dominicanos por causa deste Sermão). Como agradeço a São Serapião poder usufruir de sua presença neste Sanctum Celestial cibernético.
        Quanto à Candinha, realmente a mesma parece, às vezes, ter algum discernimento, apesar de sua índole rubra.
        Só nos resta rezar, fazer novenas e suplícios para que a alma da Candinha possa ser salva.
        Amem!

        Comentário por D. Sebastião — 6 dezembro 2010 @ 21:32

      • Nobres entre os mais nobres, irmãos e irmãs (você não, Candinha),

        Respeitosamente manifesto minha concordância quanto a que nosso Brazil precisa, para engalanar sua história, de um grande presidente, e este só poderá ser José Serra, O Grande. Chega de fazendeiros, militares, professores, (arghhh) operários e, pior, mulheres, destinadas estas pela natureza a posições servis, nunca de mando.

        Todavia, permitam-me, esperar até 2014 será por demais penoso. Devemos eleger nosso Preparado, já agora em 2012, Prefeito da República de São Paulo. Será um aquecimento das turbinas serrísticas e uma oportunidade de confirmar sua capacidade para a plebe ignara, com farta distribuição de água e esgotos e inauguração de maquetes.

        Que São Serapião nos proteja neste momento crucial.

        Comentário por Don Joze de Pan y Agua (I) — 7 dezembro 2010 @ 11:29

  8. Aeronáutico Mestre hari,

    a incompetência comuno-aero-portuária se alastra!

    Agora é a santa e cristã Espanha que se vê presa das nulidades espalhadas pelos lacaios de Evo, Chavez e o Noveunhento. Associados a iranianos e coreanos do norte, querem derrubar nossa civilização ocidental através da superlotação de aeroportos, tomados por uma gente imunda, pobre e mal-vestid e mal-cheirosa.

    Urge reagir! Por Escrivá! Por Serapião!

    Comentário por SáeBenevides — 5 dezembro 2010 @ 13:56 | Responder

  9. Notícias desanimadoras, a julgar pelas notícias abaixo, a cúpula lullo-dilmobolchevique-petralha já está em campanha para 2014, numa clara tentativa de compra de votos junto ao eleitorado inorante e inculto:

    “Natal da classe D terá máquina de lavar, geladeira e fogão
    Produtos estão na mira de 66% dos consumidores com renda familiar entre 1 e 3 salários, segundo o Data Popular
    Itens com tecnologia 3D são os mais procurados pelas classes de maior renda, indicam redes de varejo de eletrônicos
    Karime Xavier/Folhapress
    Consumidor observa televisores expostos em loja na capital paulista; classes de maior poder aquisitivo pretendem comprar os com imagem em 3D
    DE SÃO PAULO
    Geladeiras, máquinas de lavar, fogões, celulares com dois chips e roupas são alguns dos produtos que os brasileiros de menor renda -que ingressaram para valer no mercado do consumo nos últimos anos- escolheram para presentear neste Natal.
    De cada R$ 100 gastos em móveis, eletrodomésticos e eletroeletrônicos neste ano, R$ 44 são de consumidores com renda de até três salários mínimos (R$ 1.530), estima o instituto Data Popular, especializado em baixa renda.(…)”
    Ou:
    “Cerca de 6 milhões de brasileiros vão passar da Classe C para a B em 2011
    O Globo
    RIO – O Brasil já vive, segundo especialistas, um processo de migração de parte da classe C para a B. Estudo da Ativa Corretora estima que 5,9 milhões de pessoas devem avançar para a classe B até o fim de 2011, na comparação com o início de 2009. Com isso, o grupo – com renda familiar entre R$ 4.807 e R$ 10.375, segundo o levantamento – deve chegar a 15,4% da população brasileira, ou 29,363 milhões de pessoas, mostra reportagem de Lucianne Carneiro, publicada neste domingo pelo jornal O GLOBO.

    – Nossa estimativa é que, além dos seis milhões que deixarão a classe C em direção à B, três milhões sairão da D para a C. Isso é fruto do forte crescimento econômico do Brasil nos últimos anos e do aumento do trabalho formal e do crédito – afirma o economista-chefe da Ativa Corretora, Arthur Carvalho Filho, um dos autores do estudo.

    O diretor do Centro de Políticas Sociais da Fundação Getulio Vargas, Marcelo Neri, diz que seus estudos vêm mostrando essa ascensão da classe C à B.(…)”

    É ou não é compra de votos, é ou não é campanha?????

    Petralhas de uma figa!!!!!

    Comentário por Joaquim Silvério dos Reis — 5 dezembro 2010 @ 14:46 | Responder

    • Caro Silvério. Como podemos notar a campanha para a reeleição da búlgara já começou.
      Não bastava o bolsa família, agora a choldra também sonha com um nintendo wi para sua prole?
      Assim não póde! Assim não dá!

      Comentário por D. Sebastião — 5 dezembro 2010 @ 22:19 | Responder

      • Não te apoquentes, caríssimo D. Sebastião. É tudo invenção deste anarquista Joaquim Silvério dos Reis, para nos enfartar.
        Não saiu na Veja, nem na Falha nem no Estadão. Portanto é mentira.

        Comentário por vipissima — 9 dezembro 2010 @ 09:06

  10. Ainda existem bons jornais como a Folha, que publicam o que, gente do bem e de bens, como esse filósofo e hermeneuta Pondé, tem para nos dizer, para nos informar e distrair com o que vale a pena, e nos alertar para mantermos distância da gentalha emergente e mal cheirosa, que sempre que tem chance tenta se imiscuir entre nós, os nobres, hoje discriminados por este governo ditatorial lullo-dilmobolchevique-petralha, que nos nega o simples direito à exclusividade, ao luxo e ao bem viver longe da gentalha.
    Mas vamos as belas e instrutivas palavras de nosso mestre, publicadas pela mídia do bem:

    “ESTOU A 25 mil pés de altitude, voando num desses turbo-hélices. Adoro o som da hélice. Lá embaixo, paisagens distantes. Gosto de voar.
    Comecei a voar com um ano de idade, quando meu pai, então um jovem capitão médico da aeronáutica, me levava para voar em aviões da FAB. Entretanto, detesto aeroportos e classes sociais recém-chegadas a aeroportos, com sua alegria de praças de alimentação. Viajar, hoje em dia, é quase sempre como ser obrigado a frequentar um churrasco na laje.”

    http://sergyovitro.blogspot.com/2010/11/luiz-felipe-ponde-25-mil-pes.html

    “Confessemos: viajar se tornou uma tortura. Aeroportos, aviões, hotéis e museus parecem as velhas liquidações de eletrodomésticos, com gente se empurrando para dizer “eu estive em Paris”. Quem “sabe” viajar já desistiu do Louvre há muito tempo porque ele virou um templo de adoradores de “códigos da Vinci”.
    Os aviões cada vez mais se parecem com ônibus cheios de gente mal-educada tirando fotos de si mesmos enquanto berram sobre seus planos de visitar dez cidades em dez dias pagos em cem vezes. Com a fúria típica da “massa feliz”, esses neobárbaros transformaram a antes deliciosa experiência de viajar para conhecer novos mundos numa visita a um shopping center de periferia e suas praças de alimentação.
    O que fazer? Nada. Fatos como esses são meras sequelas da democracia do capital. Uma contradição sem solução: para funcionar, o capitalismo tem que tornar tudo acessível, e, por isso, tudo tem que virar um supermercado num sabadão. É como conhecer uma praia deserta: se você contar para todo mundo, ela logo vira uma praia insuportável como todas as outras. A horda de bárbaros chegará com suas sacolas, suas crianças, seu ovo duro e sua música horrorosa.
    As produtoras de viagem precisam desenvolver ferramentas pra preservar (assim como quem preserva espécies em extinção) espaços no mundo para quem não gosta de churrasco na laje como estilo de vida.”

    http://sergyovitro.blogspot.com/2010/01/luiz-felipe-ponde-churrasco-na-laje-em.html

    Que saudades do tempo de Dom Fernando, quando éramos tratados a pão de ló e champagne Cristal!!!!
    Éramos felizes e não sabíamos!!!!

    Comentário por Joaquim Silvério dos Reis — 5 dezembro 2010 @ 15:15 | Responder

    • Caro Confrade.
      Não demorará muito para ver-mos pessoas em trajes de banho desfilando pelo saguão de nossos aeroportos ou espalhando farofa para todos os lados ao falar de boca cheia e com uma coxa de galhinha em uma mão.
      Que S. Serapião nos acuda, já começou o apocalipse e os anjos da destruição viram do céu voando com passagens pagas a perder de vista.

      Comentário por T. Melo Rego — 6 dezembro 2010 @ 11:43 | Responder

      • Domingu vou ca patroa e os meninu fazê uma farofa e come umas aza de frangu no tar aeroporto de guarulhus, vê aqueles avião grandão subi e as pessoa de crasse embarcá, enquantu tomo uma cervejinha e uma cachacinha com o som do pagodi du cumpadi Zé Frouxo que vai junto com a amanti, a Creuza, e a criançada.
        Vai sê bão dimais, quim sabi até o anu que vem eu embarcu também e vo sê gente fina, eu sô da crasse E gente, nóis tá por cima, e embarcu como esses moço meiu afrescalhado, esse Ponde, esse Juaquim, esse T. Melo Rego.

        Comentário por Xicu Bento — 7 dezembro 2010 @ 19:00

      • MELDELS! Abriram as portas do inferno!

        Comentário por vipissima — 9 dezembro 2010 @ 09:13


  11. saudades eternas!!!

    Comentário por Marci — 5 dezembro 2010 @ 15:58 | Responder

  12. Eu queria ver este pessoal da foto pegar um ônibus lotado na Cidade Tiradentes no extremo da zona leste da cidade de São Paulo às 5 hs da manhã de um dia útil qualquer!Vocês não tem pena do povo da periferia não?

    Comentário por Sebastião Silva — 5 dezembro 2010 @ 17:36 | Responder

    • Periférico e tiradentino Sebastião,

      que dêem graças a Deus!

      vão de ônibus para o trabalho! Ora Sebastião, ônibus lotados são o que a gentalha quer. Roçam-se uns nos outros, ficam felizes, trabalham melhor, produzem mais.

      Faça-me o favor!

      Comentário por SáeBenevides — 5 dezembro 2010 @ 18:11 | Responder

      • Apupos mil, nobre confrade.

        Repeliste de forma magnífica este “silva” (provalvelmente parente do sapão da língua presa).

        Eles ganham bolsa-esmola, se acotovelam nas casas bahia pra comprar toda sorte de aparelhos para sobrecarregar as tomadas de seus moquifos, enchem a barriga de churrasco amaciado com leite de mamão, compram minâncora aos borbotões para passar em seus sovacos, e ainda vêm reclamar dos ônibus?

        O que essa gente quer? Pegar carona em nossos Alfa Romeo?

        Nunca! Nunca! Nunca!

        Jamais irei deixar aquelas fétidas nádegas da escumalha encostarem em meus bancos cobertos com couro de novilho.

        Vou chamar Rosinha… Preciso dos meus sais…

        Comentário por Professor Temístocles Sabóia Filho (o bom) — 6 dezembro 2010 @ 15:04

    • Tião

      Parafraseando aquele grande palh…, digo humorista, da magnânima e democrata TV GLOBO: – eu quero mais é que pobre se exploda.

      Não me verás, Tião, tampouco os nobres irmãos, confrades e ladies, que frequentam esse nobre espaço, – que a meu ver é a DASLU dos blogs limpinhos,andando nesses coletivos mal cheirosos, lotados com o povinho da periferia, que votaram na bulgara terrorista, esperando, quem sabe, a…instalação de ar condicionado nessas latas de sardinhas.

      Em tempo Tião…

      Quem tem pena é galinha.

      Vá cacarejar nos blogs sujos, aqui a grande maioria é leitor do sábio Tio Uncle e do jornal do “morde fronha” Tavinho.

      E para seu desespero, Tião, a bulgara não tomará posse.

      Há documentos no site Wibiclikligs que comprovam que a ficha que saiu na primeira página do jornal que pertence ao grande brasileiro “morde fronha” É VERDADEIRA.

      Tremei gentalha. Serra está voltando, com a estátua de São Serapião em uma mão, e a foto do Gilmar Mendes na outra.

      Comentário por D. Reis de Orleans e Bagunça (O Comedido) — 5 dezembro 2010 @ 18:37 | Responder

  13. Senhor Zeroberto Ama Deu Leite Furtado

    Que pobreza, hein?! O senhor pega avião de carreira? Não é possível! O senhor não tem um jatinho próprio?
    Acredito que o senhor seja um infiltrado do molusco de nove unhas no reino de mestre Hari.

    Heil Hari!

    Comentário por Conde Cambucetense — 5 dezembro 2010 @ 21:39 | Responder

  14. Pesquisa recente concluiu que a elite brasileira é mais moderna, ética, tolerante e inteligente que o resto da população. Nossa elite, tão atacada através dos tempos, pode se sentir desagravada com o resultado do estudo, embora este tenha sido até modesto nas suas conclusões. Faltou dizer que, além das suas outras virtudes, a elite brasileira é mais bem vestida do que as classes inferiores, tem melhor gosto e melhor educação, é melhor companhia em acontecimentos sociais e é incomparavelmente mais saudável. E que dentes!

    A pesquisa reforça uma tese que defendo há anos, segundo a qual o Brasil, para dar certo, precisa trocar de povo. Esse que está aí é de péssima qualidade. Não sei qual seria a solução. Talvez alguma forma de terceirização, substituindo-se o que existe por algo mais escandinavo. As campanhas assistencialistas que tentam melhorar a qualidade do povo atual só a pioram, pois, se por um lado não ajudam muito, pelo outro o encorajam a continuar existindo. E pior, se multiplicando. Do que adianta botar comida no prato do povo e não ensinar a correta colocação dos talheres, ou a escolha de tópicos interessantes para comentar durante a refeição? Tente levar o povo a um restaurante da moda e prepare-se para um vexame. O povo brasileiro só envergonha a sua elite.

    Se não tivéssemos um povo tão inferior, nossos índices sociais e de desenvolvimento seriam outros. Estaríamos no Primeiro Mundo em vez de empatados com Botsuana. São, sabidamente, as estatísticas de subemprego, subabitação e outros maus hábitos do povo que nos fazem passar vergonha.

    Que contraste com a elite. Jamais se verá alguém da elite brigando e fazendo um papelão numa fila do SUS como o povo, por exemplo. Mas o que fazer? Elegância e discrição não se ensina. Classe você tem ou não tem. Mas o contraste é chocante, mesmo assim. Esse povo, decididamente, não serve.

    Se ao menos as bolsas-família fossem Vuitton…

    O texto é de Luis Fernando Veríssimo, mas eu também, como membro da elite nobre, do crème de la crème, do jet set international, concordo, temos com urgência, de trocar esse povinho por um de melhores origens e hábitos.
    Quiça loiro e de olhos azuis ou verdes sensuais.

    Comentário por Vicomte de Savoir Faire — 6 dezembro 2010 @ 00:23 | Responder

    • Sumidíssimo Vicomte du Savoir Faire,
      Comment allez vou? Ça va? O texto do gaudério embobachado Veríssimo, já foi transcrito mais acima. De qualquer jeito é bom não nos esquecermos, jamé, que aplomb pertence azelite.
      Alvíssaras!

      Comentário por vipissima — 9 dezembro 2010 @ 09:19 | Responder

    • Vicomte Savoir Faire [ordenadíssimo, positivíssimo e deliciosíssimo título(?)], antes de terminar a leitura já me preparava para felicitá-lo por tão nobres colocações, crendo que o texto fosse de sua autoria. No final,já sabendo que não fora o autor, não posso deixar de parabenizá-lo pela correção de não passar-se pelo descritor de tão belo veredicto de nossa realidade “povesca”, assim como, de relatar-nos o verdadeiro autor. Não esperaria menos de um membro desta confraria, da qual sou mera observadora, por não igualarmente a sapiências tais.

      Comentário por Catarina — 10 dezembro 2010 @ 02:35 | Responder

      • Vicomte, não se incomode com comentários “vips” que não lhe dão o devido crédito. E, corrigindo-me: igualar-me e não igualarmente… devo ter errado em outras organizações léxico-gramaticais, porém não tive inteligência e conhecimento suficientes para verificar…

        Comentário por Catarina — 10 dezembro 2010 @ 02:43

  15. Comendador Humberto, caros confrades na fé serapionica e cruzados do hariovaldianismo.
    Estou deveras contente hoje , pois o time de futebol representante das massas limpas e cheirosas cariocas brindou seu seleto grupo de torcedores que após 26 anos consseguiu sair do Armár… digo fila.Esta é uma data importante , pois até que enfim algun representante das elites , mesmo usando pó de arroz para se parecer gente de tez alva e de bem consseguiu vencer um certame, e ólha que a empreitada foi dificil , já que no mesmo páreo estavam duas equipe competentes , porém representantes de exíguas torcidas , sujas e malcheirosas.
    Infelismente o representante bandeirante das pessoas cheirosas e de benz e o time do ungido da Móoca tiveram um desempenho pífio , culpa certamente da arbitragem e do corpo mole de alguns atletas.Más não há problema , em 2011 tentaremos novamente.
    Alvíssaras duplas , triplas e quiçá multiplas!

    Comentário por T. Melo Rego — 6 dezembro 2010 @ 04:52 | Responder

    • Mestre e amados irmãos na fé e romeiros de padim pade cerra.
      Desconfio eu que o umbigo de nosso líder e presidente de nascença está enterrado na Rua Javari, sob o estadio da gloriosa Juventus.

      Comentário por T. Melo Rego — 6 dezembro 2010 @ 04:56 | Responder

    • Mais um motivo para te admirar!!! Eu uso PÒ DE ARROZ!!!

      Comentário por Catarina — 10 dezembro 2010 @ 01:33 | Responder

  16. Fiquei com pena do Prof. A gente do lado de cá é assim mesmo, tem o coração mole.
    No link abaixo entrarás o que precisa:
    http://altovoo.com/

    Comentário por Che Guevara — 6 dezembro 2010 @ 06:19 | Responder

    • Vil Motoqueiro,

      Será verdade que o demonio petista atua de formas vis, pois foi dito em nossa São Paulo de Piratininga, que a Sra. Sonsinha Francine, a devassinha ciclista, foi vista na Avenida Sumaré, a flanar com um barbudo motociclista, aguarrada em seus quadris. A pequena ex-petista, estava consigo? Voce a subverteu? Fez com palavras melifulas que ela retornasse a devassidão terrorista-petista? A manipulação cornistica petelha atingiu nosso derrotado da Mooca? Ressucitastes da selva boliviana apenas para este momento de depravação?

      Comentário por Aurelio Monte y Vaz — 6 dezembro 2010 @ 19:54 | Responder

      • Sr. Monte y Vaz,

        Sou casado, tenho filhos. Ademais, broxo só de imaginá-la comentando a última rodada do Brasileirão.

        Comentário por Che Guevara — 7 dezembro 2010 @ 05:01

  17. Ode ao burguês

    Eu insulto o burguês! O burguês-níquel,
    o burguês-burguês!
    A digestão bem-feita de São Paulo!
    O homem-curva! o homem-nádegas!
    O homem que sendo francês, brasileiro, italiano,
    é sempre um cauteloso pouco-a-pouco!

    Eu insulto as aristocracias cautelosas!
    Os barões lampiões! os condes Joões! os duques zurros!
    que vivem dentro de muros sem pulos;
    e gemem sangues de alguns mil-réis fracos
    para dizerem que as filhas da senhora falam o francês
    e tocam os “Printemps” com as unhas!

    Eu insulto o burguês-funesto!
    O indigesto feijão com toucinho, dono das tradições!
    Fora os que algarismam os amanhãs!
    Olha a vida dos nossos setembros!
    Fará Sol? Choverá? Arlequinal!
    Mas à chuva dos rosais
    o èxtase fará sempre Sol!

    Morte à gordura!
    Morte às adiposidades cerebrais!
    Morte ao burguês-mensal!
    ao burguês-cinema! ao burguês-tílburi!
    Padaria Suissa! Morte viva ao Adriano!
    “–Ai, filha, que te darei pelos teus anos?
    –Um colar… –Conto e quinhentos!!!
    Mas nós morremos de fome!”

    Come! Come-te a ti mesmo, oh gelatina pasma!
    Oh! purée de batatas morais!
    Oh! cabelos nas ventas! oh! carecas!
    Ódio aos temperamentos regulares!
    Ódio aos relógios musculares! Morte à infâmia!
    Ódio à soma! Ódio aos secos e molhados!
    Ódio aos sem desfalecimentos nem arrependimentos,
    sempiternamente as mesmices convencionais!
    De mãos nas costas! Marco eu o compasso! Eia!
    Dois a dois! Primeira posição! Marcha!
    Todos para a Central do meu rancor inebriante
    Ódio e insulto! Ódio e raiva! Ódio e mais ódio!
    Morte ao burguês de giolhos,
    cheirando religião e que não crê em Deus!
    Ódio vermelho! Ódio fecundo! Ódio cíclico!
    Ódio fundamento, sem perdão!

    Fora! Fu! Fora o bom burgês!…

    De Paulicéia desvairada (1922)
    Mário de Andrade

    Comentário por Mariana Martins — 6 dezembro 2010 @ 06:26 | Responder

    • Dona Mariana Fabrícia,
      porque perdes tempo replicando aqui textos de autores comunistas e sem expressão?
      Nós aqui só aceitamos palavras sábias de versos perfeitos em métrica e rima de nosso apolíneo e belo poeta Ferreira Gullar que, dentre outros atributos, demonstrou ser um digno representante dos Homens Bons e de Benz, liderando a escumal..oops, o escol daqueles que emprestaram apoio a D. Chirico.
      O resto são palavras vazias de significado.

      Ave Johnbim, Nosso Homem com a Vana!

      Comentário por Comendador Gengis Von Chirico — 6 dezembro 2010 @ 13:53 | Responder

      • Comendado confrade Gengis,

        ‘Nosso homem com a Vana’ é, realmente, um achado.

        Cumprimentos serapiônicos.

        Comentário por Don Joze de Pan y Agua (I) — 7 dezembro 2010 @ 11:41

      • Estimado e ilustre confrade Don Joze,
        sinto-me enlevado por seu cumprimento e profundamente reconhecido, afinal não é de costume ser elogiado por um Homem Bom e de cultura superior como é vosso caso.
        Foi apenas um chiste que me ocorreu, provavelmente induzido e inspirado pelos sublimes comentários de nossos sapientes confrades, dos quais não podemos destoar sob pena de cairmos na mediocridade do discurso inconsistente de nossos inimigos búlgaro-petelho-comunistas.
        Ave Don Joze!
        Ave Graham Greene, católico fervoroso e muso inspirador!

        Comentário por Comendador Gengis Von Chirico — 8 dezembro 2010 @ 01:18

    • Não leio estes modernistas.

      São uns comunistas rebeldes que fazem poesia sem métrica, pintam quadros que não respeitam as regras academicistas, enfim, uns desvairados.

      Certo estava Lobato, que os criticara, chamando-os de insanos.

      Prefiro os parnasianos, homens de fina linguagem, que deslizam de forma sublime pela mais profunda erudição vernacular, e não se preocupam com assuntos da plebe.

      Comentário por Professor Temístocles Sabóia Filho (o bom) — 6 dezembro 2010 @ 15:13 | Responder

  18. De certa forma, tenho que concordar com a responsabilidade do atual governo na transformação dos aeroportos em “escombros”. Se este mesmo governo durante 8 anos empenhou-se em melhorar a situação socioeconômica da população de baixa renda, ao mesmo tempo em que a empresas aéreas passaram a oferecer preços cada vez menores por seus serviços, óbvio que maior parte da população passaria a ter acesso a esses serviços e que, portanto, a infra-estrutura aeroportuária deveria ter acompanhado esse crescimento, ou seja, deveriam ter previsto que na forma como se encontrava estruturada não seria suficiente para atender a crescente demanda. Essa falta de visão acontece em outros setores também e a nação vive a teoria do caos devido à ausência de bom senso governamental. Já os governos anteriores, não precisaram se preocupar com isso, pois, aeroportos não eram acessíveis para a população, exceto àqueles que iam até lá no final de semana para ver os aviões decolarem.

    Comentário por Pakatatu — 6 dezembro 2010 @ 11:06 | Responder

    • Ilustríssima sra. Pakatatu,

      É necessário que se privatizem os aeroportos, já que o desgoverno petista não consegue ampliá-los, nem mesmo ordená-los. Com a privatização, haverá uma hierarquia aeroportuária, com preferência para jatinhos e jatões particulares. Esses chilenos da Tam que esperem para pousar e decolar, junto com os da Gol e quejandos.

      Sugiro o imediato leilão dos aeroportos do Acre, Rondônia, Amapá, Dom Pedrito.

      Que São Serapião traga-nos investidores.

      Comentário por Don Joze de Pan y Agua (I) — 7 dezembro 2010 @ 11:46 | Responder

  19. Tristeza a situação desses nobres homens, suas esposas e prole! Impedidos de decolar com seus jatinhos antes da decolagem de “vans” abarrotadas da choldra!
    Graças a São Serapião, estou livre de passar por estas humilhações
    Eu sou tucano e voo porque posso!

    Comentário por Tucano Fanático — 6 dezembro 2010 @ 11:26 | Responder

  20. Caros confrades , homens e mulheres de bom senso.A Bahia nos deu Rui Barbosa, Minas nos deu Jucelino, Brasilia nos deu Arruda e em todas estas terras estes homens foram homenageados.E a Móoca nos deu o maior dos economistas e engenheiros que este mundo já conheceu o Dr. José Serra necas de homenagens.Por isso estou lançando uma campanha para que nós nobres , limpinhos e cheirosinhos prestemos uma singela homenagem a este ícone do Tamanduátei e Ipiranga.
    Estava eu aqui matutando com minhas abotoaduras e meu charuto cubano quando tive a idéia: Que tal fazermos uma camopanha para a construção de um estádio com o nome do nosso amado ungido, uma obra dígna de receber a abertura e o encerramento da copa do mundo de 2014?
    Sei de um terreno desocupado na rua Javari na Móoca, local alías onde está esnterrado o umbigo do mais preparado dos brasileiro, seria a oportunidade de dar um upgrade aquela paragem onde nem a grama se atreve a crescer.Tenho certeza que a Móoca, berço deste inefável e infalível lider merece receber monumento de tal vulto .
    Vou começar a fazer as subcrições e imprimir os carnets para serem vendidos nas escolas, pois acho uma vergonha que se construa um estádio para abertuara da Copa do mundo num bairro situado na divisa com outro estado só para agradar o nove unhas que torce para o time da ralé.

    Comentário por T. Melo Rego — 6 dezembro 2010 @ 12:14 | Responder

    • Como não admirá-lo, Sr. Melo Rego. És dilmais!!!

      Comentário por Catarina — 10 dezembro 2010 @ 01:51 | Responder

  21. Decrépito Comendador,

    Parece que vossa excelsa figura conseguiu evadir-se do hospicio onde estava internado, que feio Comendador, és um fujão, ou retornou apenas para comemorar a eleição da Companheira Presidente Dilma Rousseff.

    Em homenagem a seu retorno a este sitio, comunico a v.sa. que fostes agraciado com uma viagem, tipo 0800, em nosso cruzeiro da vitória, nosso navio sairá de santos, passará pela praia grande, aportaremos no Rio de Janeiro, e o Sr. já está escalado para ser o guia da visita oa piscinão de Ramos, onde poderá confraternizar com o POVO, sair dançando o pagode com as cabrochas mulatas da Unidos De Parada de LUcas.

    Salve a volta do Comendador H. Amadeu, o Comendador do POVO.

    Comentário por Aurelio Monte Vaz, O JUNIOR — 6 dezembro 2010 @ 15:19 | Responder

  22. Aos Srs.
    Tião de Alcacer Quebir,Prof. Temistocles “o ruim”,o do Rego,Velhinho Orleans,

    Fica estendido a tãos inclitos idosos ultrapassados e DERROTADOS, o convite para que vv.ss. abrilhantem nosso Cruzeiro da VITÓRIA DO POVO, encham suas nobres bocas com farofa,carne seca desfiada, acompanhadas de caipirinhas de 51 e Espuma de Prata, participem de nosso forró e o reveillon em Brasilia, batendo palmas para quando a Companheira Dilma subir a rampa do Palacio do Planalto. Depois destas comemorações, junto ao POVO, os Srs. poderão embarcar em seus jatinhos e irem direto para o Museu da Caverna do Ostracismo, se juntando a seus queridos: FHC, Serra, Prof. Hariovaldo e Comendador Amadeu.

    Bon Voyage!!!!!

    Comentário por Aurelio Monte Vaz, O JUNIOR — 6 dezembro 2010 @ 16:20 | Responder

    • Coisa errada:
      O teu pai é o culpado disso aí, porque havia de ter empregado você como ajudante de pedreiro ou aprendiz de soldador. Ao invés disso deu-te um computador e provavelmente dá-te uma mesada. Se fosse eu dava-te com a mesa e serias mais reponsável e respeitoso. Mas o problema é que as pessoas de boa índole medem os outros com os seus olhos misericordiosos e sem saber criam cobras. Onde já se viu; passar o reveilon em Brasília, quando o Sr. Vaz vai a Veneza. Deixa-te disso mocinho e acompanha os de bem e serás como eles. Senão ainda vou ver você esquentar marmita numa obra dessas do PAC da Búlgara, tu e outros ofídeos Bruttus que militam sob a estrela rubra mas vivem de mesada, dos homens de sobrenome dos quais imerecidamente descendem.

      Comentário por José Vicente de Magalhães — 6 dezembro 2010 @ 19:32 | Responder

    • Pestilento petelho juvenil.
      Causa-me tristezas deveras em meu coração ao imaginar o sofrimento por qual passa meu confrade Aurélio, que tem em sua prole tão vil ovelha rubra.Aconselho-te que tomes tenência e converta-se a verdade, fujas do lado negro da força enquanto ainda é tempo e não venhas a matar seu “pobre” papai de desgostos.
      Quanto ao seu convite .Agradeço sua gentileza , que mais parece uma afronta.Porém terei que declinar, talvez quiçá em outra existência, pois só de pensar em participar de tais bestialidades chinfrins regadas a cachaça de alambique e espetos de gato fico com a alva cútiz toda empolada, sem contar os calafrios e nauseas que sinto.
      Maria traga-me o óleo de rícino.

      Comentário por T. Melo Rego — 7 dezembro 2010 @ 06:39 | Responder

  23. Sr. Hariovaldo, imploro-lhe que faça algo para, pelo menos, remediar essa situação. Pretendo passar o Natal, com toda a minha exemplar e garbosa família (inclusive estaremos acompanhados de nosso doce e retumbante rottweiller Artur Virgílio),em Miami Beach.
    Depois, óbvio, iremos todos até a Disney. Meu filhinho Fernandinho (este ano completou 35 primaverinhas)quer bater o recorde mundial de visitas a esse centro mundial da verdadeira arte infantil e dividir com todos nós a alegria que a realização de tal proeza lhe proporcionará.
    Fico com comichões teríveis só de pensar que nosso avião partirá com um diluviano atraso de 5 segundos.
    Como é dura a vida de uma família de bem aqui no Brasil.
    Sr. Hariovaldo console-me, por favor, de alguma maneira.

    Comentário por denis dias ferreira — 6 dezembro 2010 @ 17:41 | Responder

    • Mestre Hari é espada.

      Comentário por vipissima — 9 dezembro 2010 @ 21:44 | Responder

  24. “Compram MINÂNCORA aos borbotões para passar em seus sovacos”?!?!? Só faltou dizer que usam Gumex nos cabelos, usam 752 e tomam rum creosotado… bocomoooooco!
    E já que estamos tão saudosista: ” Atenção, você com essa ficha na mão Dirija-se ao portão Embarque neste avião (boa viagem!) Largue o chão Escolha uma direção Aperte seu cinto e solte A sua imaginação (voe Vasp!) Céu azul Leste, Oeste, Norte ou Sul Você livre pelo ar Com quem gosta de voar A Vasp abre suas asas Sua ternura Pra você ganhar altura Viajar, voar! (Viaje com a ente)Viaje bem, viaje Vasp”

    Comentário por Mare Hollysmoke — 6 dezembro 2010 @ 18:19 | Responder

    • Em tempo: Si bene esset hat culi magnitudo utique oporteret ostium duo meters, pelo sagrado fumo da folha desidrata do chuchu!

      Comentário por Mare Hollysmoke — 6 dezembro 2010 @ 18:21 | Responder

  25. Caros Irmãos Cruzados da Fé,

    Nossas gares aereas estão assaz invadidas pelos desclassificados plebeus que regurgitam nos salões, seus arrotos de cachaça barata e torremos amanhecidos, não tarda o dia que os aviões de carreira tornar-se-ão locais onde grassará a orgia, o pederastismo, o onanismo, que são as diversões mais comuns aos petelhos animalescos – todo este transe acompanhado do fedor que é intrinseco, quiça natural, a malta apoiadora do Mefisto de Garanhuns e de sua Nefasta Fantochuda Terrorista. Que Deus, São Serapião e São Josémaria de Escrivá nos poupem deste inferno que povoa os ares de nossa Pátria.

    Benditos os Learjets,Citations,Legacys, os Cessnas dos remediados, que nos permitem voar acima dos ignaros petistas e seus asseclas demoniacos, acompanhados de suas mulheres obesas,sogras ofidicas, crianças remelentas sem educação, ousam compartilhar espaços conosco, é o fim dos tempos que se avizinha.

    Aproveito a ocasião para apresentar minhas sinceras escusas com respeito a este nefasto fruto que fiz gerar em um ventre comunista, seduzido que fui por perversa terrorista, nasceu o degenerado que se alcunha de JUNIOR, vejam carissimos o que um descuido da juventude acarreta para uma familia de tradição, uma noite de prazer derivou para uma cobrança eterna, um nome enxovalhado na lama, uma mancha de devassidão. Todos os dias rogo aos céus, o perdão por ter auxiliado a colocar sobre a terra, um fruto tão daninho, pior ainda – um petista.

    Nem mesmo os suplicios de meus cilicios, ou as vergastadas a mim desferidas pelas cubanas estatuas de carne, em ebano,dissolutas megeras de gozos inauditos e insaciaveis, poderão algum dia corrigir esta minha falta, por isso considero minhas genuflexões aos santos padroeiros de nossa seleta confraria, um atmo de perdão pelo reles iconoclasta maldito. AMEM!!!!!!!

    Comentário por Aurelio Monte y Vaz — 6 dezembro 2010 @ 18:53 | Responder

  26. Só porisso não vou viajar esse ano.

    http://www.informartins.wordpress.com

    Comentário por paulo — 7 dezembro 2010 @ 06:30 | Responder

  27. Temos por certo que Joe Bean irá resolver essa situação de caos total.
    Lembremo-nos sempre, caros amigos, que temos a IV frota a nosso lado. Ah, que venha! Com Joe Bean abrindo-lhe os portos.
    Joe Bean foi imortalizado por um pianistazinho de bares, por acaso homônimo;
    “When I Arrived in N York the immigration officer said – where have you been, Mr Bean? where have you been, Joe… / You´ve been abroad for too long, Mr Bean, Haven´t you been?…” etc.

    Comentário por Barão da Barão de Itapetininga — 7 dezembro 2010 @ 07:07 | Responder

  28. Nobilíssimos confrades, comadres!
    Aos pobretões que compram passagens aéreas em 84 suaves prestações: morram de inveja do nosso estilo de vida:

    Apropínqua-se a comemoração da data maior do congraçamento…e a propósito do “caosaéreo” relatado pelo Comendador Amadeu, deixo aqui registrada minha saudade:
    VASP: http://www.youtube.com/watch?v=IgroZG4IktA
    VARIG: http://www.youtube.com/watch?v=4EQBSt5ZE2g&feature=related

    Saudades, só saudades….

    Comentário por Heloísa de Saint Hilaire — 7 dezembro 2010 @ 07:09 | Responder

  29. E uma singela e fraterna homenagem ao Tucano Fanático:

    Comentário por Heloísa de Saint Hilaire — 7 dezembro 2010 @ 07:12 | Responder

    • Ora, ora, ora! Se A. Saint Hilaire era botânico e naturalista, a dignissima senhora esta me saindo uma grande ornitóloga e,quiçá, naturista.
      Seja franca: andas a catar coquinhos e gabirobas mata adentro com o Tucano abanador? Em todo caso, mantenha-o longe do metilmercúrio!

      Comentário por Pakatatu — 7 dezembro 2010 @ 08:35 | Responder

      • Senhor Animal Modificado Geneticamente:

        Quem tem o hábito de freqüentar convescotes, aos domingos, no Horto Florestal, regados a fanta uva quente, pedaços de frango gorduroso e uma farofinha recolhida nas esquinas das macumbas na sexta feira é o senhor! E para divertir-se e completar a sobremesa, caçam piolhos nas cabeças dos pimpolhos!
        Homens e mulheres de bem e de Benz freqüentam safáris em terras moreninhas de África!
        Até o mundo mineral sabe que o metilmercúrio é uma substância orgânica que vem sendo usada para preservar sementes de grãos e que surtos de envenenamento por metilmercúrio têm ocorrido por meio da ingestão de sementes de grãos ou carnes provenientes de animais que se alimentaram desses grãos, como as pacas, os tatus e os pacatatus. Portanto, as possíveis alterações de orientação sexual decorrentes estão agora explicadas com comportamentos ciumentos como o que o senhor vem demonstrando através de seus comentários desairosos, destilando aleivosias a respeito de uma possível relação profissional entre minha nobre pessoa e o ínclito sr. Tucano Fanático.
        Somente a grande revolução pela ética e bons costumes, que nos move, livrar-nos-á de criaturas petelhas e mal-pensantes!
        Que Nossa Senhora das Taras Veladas se apiede se sua alma nefanda e sacrílega!
        Que São Serapião e São Josemaría Escrivá de Balaguer nos proteja dos ímpios e desviados!!!

        Comentário por Heloísa de Saint Hilaire — 7 dezembro 2010 @ 18:56

      • Em caminho de paca, tatu “caminha” atraz?

        Comentário por T. Melo Rego — 8 dezembro 2010 @ 04:32

    • Uma homenagem??? Lágrimas, lágrimas! A bondade da senhorita Heloísa é infinita! Bons tempos quando só os bons viajavam no espaço aéreo! Quanto aos comentários maledicentes do animal geneticamente modificado, compreendo vossa indignação. Mas convenhamos: contaminado pelos blogs sujos, não poderíamos esperar outra coisa desta “espécie” da fauna pentelha.
      Merci Beaucoup mademoiselle Saint Hilaire! Agora vou nadar, digo, comentar no limpo Esgoto Antunes. À noite, uma brilhante ideia para o Uncle King. O Sapo Barbudo e a Terrorista que se cuidem!
      É 45 de ponta a ponta!

      Comentário por Tucano Fanático — 8 dezembro 2010 @ 13:43 | Responder

  30. #Do blog do Uncle King:

    Tucano Otimista (06/12/2010 às 22:48)

    #

    Para naldig (06/12/2010 às 20:53)

    “Acho mesmo que o Aécio vai parlamentar com qualquer força política que queira ‘parlamentar’ com ele. Acredito ainda que ele continuará a tendo todas as condições de ‘parlamentar’ com o PT, pois deu uma vitória memorável para Dilma.
    O que esta claro é que Aécio et outros querem desautorizar o Estado de São Paulo e se apropriarem da sigla”.

    Parabéns naldig. Você foi na veia. Essa história de refundação é para dizer que o PSDB construído por políticos mais antigos como o Doutor José Serra e o Doutor Geraldo Alckmin não serve e está precisando de uma “refundação” que naturalmente seria comandada pelo jovem senador eleito por Minas Gerais.

    Aécio parece um menino malcriado que, insatisfeito com o seu lugar na fila, fica dando chutes nas canelas dos coleguinhas melhor posicionados na fila para expulsá-los e ocupar o lugar deles. Ele não entende que, mesmo que consiga puxar o tapete do Doutor José Serra, inviabilizando a sua legítima e natural postulação como candidato às eleição presidencial de 2014, a vez seria do Doutor Geraldo Alckmin muito mais qualificado e experimentado do que Aécio, contando, inclusive, com a experiência da eleição presidencial de 2006.

    O que esperamos de Aécio Neves é mais desprendimento, espírito partidário, sentimento de equipe e disposição para o sacrifício. Ele precisa, enfim, ser mais Tiradentes e menos Silvério dos Reis. Em vez de ficar se perguntando o que o PSDB pode fazer por ele, ele deveria na verdade se perguntar o que ele pode fazer pelo PSDB.

    O primeiro passo seria que ele se dispusesse a aceitar a condição de vice para a eleição de 2014 seja de Serra ou Geraldo Alckmin, sacramentando a união indissolúvel e umbilical entre São Paulo e Minas Gerais, união essa indispensável para uma consagradora e histórica vitória eleitoral tucana em 2014.

    No andar da carruagem, a persistir nesse individualismo extremo e nessa impaciência, o neto de Tancredo ainda poderá trazer grandes problemas para a oposição.

    Esperamos que Aécio enfim tome juízo e venha alistar-se como um soldado disciplinado no grande exército tucano. Alvíssaras!

    Comentário por Leitor da Veja — 7 dezembro 2010 @ 08:12 | Responder

  31. Mestre Humberto:
    Que pena vocês viverem longe da Bahia; têm que viajar de avião “para a Bahia”.
    Aqui, como todos sabem, é Carnaval o ano inteiro, mas amanhã dia 8 da Conceição, abre oficialmente a temporada de festejos na Terra de todos os Santos. Claro que, porque amanhã é feriado, eu e todas as passoas integradas à cultura local, não trabalhamos hoje, aliás esse negócio de trampo é uma má idéia sempre, mas às vezes tenho que ir ao banco assinar uns papéis, o que dá um trabalho…
    Essa foto aí do aeroporto me dá pena por isso não frequento esses lugares de pobre. Eu moro em Salvador e para preguiçar não preciso ir de avião como vocês que são trabalhadores do Brasil.
    Por favor me imitem que é bem melhor que ir a Nice onde os Garçons são horríveis.

    Comentário por José Vicente de Magalhães — 7 dezembro 2010 @ 13:10 | Responder

  32. Penetrante Leitor da Veja, tens o dom invejável da cizânia entre estes aliados da massa cheirosa e também referências muito ilustrativas. Quanto à ligação umbilical vale a pena esmiuçar um pouco sobre tal metáfora. O cordão liga o feto à placenta, alimentando e promovendo a troca gasosa. Fica a dúvida : quem é quem nesta estória ? De um lado temos Dom Chirico e noutra ponta Dom Neves. Muito fico tentado à comparações fisiológicas-anatômicas. A beleza e conspicuidade do Almirante do Tietê, só pode nos forçar à equivalência de Placenta (criada na Mooca), sendo o rebento, o autor das trocas gasométricas, o grande neto das Gerais, Aécio o feto aspirador. O cordão seria a Fernão Dias, nobre escravagista indígena, que inspirou nosso Chirico no hábito de arrebatar indios dando “sopa”.

    Comentário por Padre Iscariotes — 7 dezembro 2010 @ 13:25 | Responder

  33. Gambiarra para adaptador novo de tomada : http://t.co/UgFuLAn

    Comentário por bertagna — 7 dezembro 2010 @ 14:24 | Responder

  34. Master of the Masters
    Eis que navegando pela blogosfera, inadvertidamente acabei acessando um blog vermelho onde, inadvertidamente vi esta notícia http://migre.me/2Ml2d Era só o que faltava, o sapo da barba vermelha e sua fantoche escarlate querem transformar nosso límpido, piscoso e tranquilo Tietê em uma infernal via de transporte de cargas (e pobres, suponho) através de carcaças? Onde estamos? Nosso Almirante do Tietê vai permitir tal atrevimento em terras bandeirantes? Alvíssaras e anauê procê.

    Comentário por Opus Dei — 7 dezembro 2010 @ 15:04 | Responder

    • Absurdo!

      Deve ser para impedir que o nobre Almirante navegue, triunfal, nas águas tietianas!

      Alvíssaras, anauês, tititis e trololós!

      Comentário por SáeBenevides — 7 dezembro 2010 @ 20:14 | Responder

  35. […] A imagem não deixa margem para dúvidas: mais uma vez o povo brasileiro é humilhado pelo festival de incompetência e corrupção que assola este bananal outrora chamado “Brazil”. As boas famílias, pagadoras dos impostos escorchantes e tementes a Deus padecem na carne toda a sorte de malefícios e castigos inenarráveis, que só encontram paralelos nos textos bíblicos e na literatura que trata dos crimes dos marxistas.Como pode um homem de bem programar suas férias em Miami ou Paris se, ao chegar nestes escombros que o subgoverno petralha chama de “aeroportos”, um processo de tortura atroz terá início? O cidadão defrontar-se-á com os mais evidentes sintomas de uma catástrofe anunciada.Oh, São Serapião, vós que sois o clemente! Permiti, vós, que as boas e puras criaturas que restam nesta terra recebam, ainda em vida, as bênçãos e bálsamos que aplacam as tenazes dores que invadem nossa alma!      Read More […]

    Pingback por Tudo de mau se repete neste bananal (via Professor Hariovaldo Almeida Prado) | Beto Bertagna a 24 quadros — 8 dezembro 2010 @ 15:31 | Responder

  36. E eu só ralando pra esses bacanas ficarem dormindo no sofá do aeroporto, deveriam dormir no chão

    Comentário por IV avatar — 8 dezembro 2010 @ 20:43 | Responder


RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: