Professor Hariovaldo Almeida Prado

18 janeiro 2011

The Economist adere ao comunismo e propõe o calote da dívida externa

Filed under: Condor Red Plan — Hariovaldo @ 00:08
Tags: , , , ,

Caloteiros

Todos nós estranhamos quando a outrora respeitável publicação inglesa trouxe uma capa mentirosa elogiando o desgoverno Lula. E agora, fica claro que aquele magazine degenerou-se para as raias do marxismo satânico passando a espargir ideias socialistas retrógradas e falidas. Vejam só, amados leitores fiéis, a falta que faz para um órgão de imprensa profissionais qualificados do gabarito de uma Míriam Leitão, Carlos Sardenberg, Arnaldo Jabour, Boris Casoy, William Waack, dentre outros. Não conseguem manter a linha da decência e da dignidade capitalista e descambam para o comunismo. Agora deram para pregarem o calote e a moratória, como se fossem membros da direção do Partido dos Trabalhadores, ou partícipes dos Círculos Bolivarianos Chavistas, ou maridos da presidenta argentina.

Capa mentirosa

Capa mentirosa que não resisitiu a meia edição do Jornal Nacional

Será que eles não leem a Veja, nunca ouviram as analises da Lúcia Hipolitro ou os comentários do Sardenberg na CBN? Que tipo de jornalistas eles são? Só podem estar tomados pelo bolchevismo ateu, não há outra explicação. Adam Smith deve estar se revirando no túmulo com tamanha imbecilidade. É por isso que este semanário estrangeiro não tem e nunca terá a mesma credibilidade que tem a imprensa livre do Brasil não comprada pelo imprensalão petista.

Anúncios

89 Comentários »

  1. Profe: são coisas de Laurinha, coisas do mundo… como dizia Greg:
    As Cousas do Mundo

    Neste mundo é mais rico o que mais rapa:
    Quem mais limpo se faz, tem mais carepa;
    Com sua língua, ao nobre o vil decepa:
    O velhaco maior sempre tem capa.

    Mostra o patife da nobreza o mapa:
    Quem tem mão de agarrar, ligeiro trepa;
    Quem menos falar pode, mais increpa:
    Quem dinheiro tiver, pode ser Papa.

    A flor baixa se inculca por tulipa;
    Bengala hoje na mão, ontem garlopa,
    Mais isento se mostra o que mais chupa.

    Para a tropa do trapo vazo a tripa
    E mais não igo, porque a Musa topa
    Em apa, epa, ipa, opa, upa.

    Comentário por Mare Hollysmoke — 18 janeiro 2011 @ 00:21 | Responder

    • Adorávem Srta.Mare
      Sem dúvida,a mais lapidar verdade esta na frase “O velhaco maior sempre usa capa”.
      Usam capa os “mágicos”,o Super Homem,o Batman,os “magistrados”,o super rato e toda a corja de parasitas que sequer se presta para trocar um couro de uma torneira.

      Comentário por Von Kasca — 18 janeiro 2011 @ 12:12 | Responder

      • Sir Von Kaska: mas até o Zorro?

        Comentário por Mare Hollysmoke — 18 janeiro 2011 @ 14:01

  2. O que há de mal em ser ateu? Só falta dizer que agora ser ateu é não ter moralidade. Não tenho Deus no coração e consigo ser tão moral quanto meu vizinho cristão que nega solidariedade. Ah, e não vai ser liberalismo que vai salvar Grécia, Irlanda e Portugal. Nem o “neo”.
    Se alguma imprensa tivesse algum Boris Casoy, coitados do garis, né?

    Abraço ateu

    Comentário por Arthur — 18 janeiro 2011 @ 00:23 | Responder

    • Isto que dá estas incautas mães colocarem nome em filhos como Arthur, que lembra távola redonda, que lembra comunismo, que lembra Merlin e doutrinas pagãs de magia e satanismo.

      Comentário por Padre Iscariotes — 18 janeiro 2011 @ 10:08 | Responder

      • Ouch!

        Comentário por Mare Hollysmoke — 18 janeiro 2011 @ 12:24

    • Arthur (com agá), incrédulo Fabrício,

      Vejo que ainda não comeste teu cereal matinal.

      Deixaste a cama desarrumada e o ursinho puff jogado no chão.

      Esqueceste de calçar os chinelos do homem-aranha (vais pegar, certamente, um resfriado).

      Comentário por Professor Temístocles Sabóia Filho (o bom) — 18 janeiro 2011 @ 12:08 | Responder

      • Pedagógico e educacional Professor (o bom).

        Pau neles!

        Alvíssaras!

        Comentário por SáeBenevides — 18 janeiro 2011 @ 13:18

    • Deixem os Fabricios em paz seus velhotes pernóstico!!!

      Comentário por Fernanda Terremoto — 18 janeiro 2011 @ 21:24 | Responder

      • oops!!! pernósticos, olha a concordância…

        Comentário por Fernanda Terremoto — 18 janeiro 2011 @ 21:26

      • Oh, Fernanda !!
        Grato pela defesa !

        Pernósticos é um nome feio???

        Comentário por Fabrício Poliana (de larica...) — 18 janeiro 2011 @ 23:08

  3. Cachoeiro e canoístico Lente Hariovaldo Almeida Prado,
    já o nobre jornal espanhol “El Pais” pauta-se por nossa imprensa séria e imparcial, noticiando as verdades “duela a quem duela” (Ah! que saudades…).
    E mantém a notícia a despeito do comunista e baderneiro confesso, Eduardo Guimarães, lhes enviar carta em espanhol (sofrível) e telefonar diretamente para a redação (o pobre atendente com certeza nada compreendeu dos balbucios do vil comunista), reclamando da não imparcialidade do periódico.
    Esses comuno-chavistas têm topete! Querem, nada mais nada menos, desmentir nossa Vênus Platinada e seu timoreiro Ali Kamel, o Próprio. Por quem se tomam?

    http://www.elpais.com/articulo/internacional/informe/oficial/2008/alertaba/riesgo/supondrian/lluvias/intensas/Brasil/elpepuintlat/20110115elpepuint_13/Tes

    Comentário por Comendador Gengis Von Chirico — 18 janeiro 2011 @ 00:43 | Responder

    • Comendado Comendador,

      o mundo está à beira da perdição!

      As esperanças residem em nossos bravos veículos da Democracia e da Liberdade.

      Em nossas orações, roguemos a São Bartolomeu que dê forças á Venus Platinada, à Falha, aos amarelentos Vejistas e aos Mosqueteiros Mesquitas, esperanças de tábua de salvação!

      Pelo bem aventurado Goebbels, protetor dos que difundem a verdade!

      Comentário por SáeBenevides — 18 janeiro 2011 @ 13:28 | Responder

      • “Seu” Sá e “Seu” Comendador,

        Desencana galera, estas preçes com estes Santos não vão salvar-lhes das garras do comunismo ateu….

        Encarem a realidade, entreguem-se à verdadeira fé, o Politeismo.

        Se nada na Terra ficar em pé depois da passagem do Cavaleiro Comunista do Apocalipse Ateu garanto-vos que as Deus_as servirão de Farol na Longa Noite dos Demônios de Garanhuns que se aproxima…

        Platinadas e Glorificadas como Scarlet Johansonn, Angelina Jolie e outras tantas MARAVILHAS DA NATUREZA, Divinas Encantadoras servirão de inspiração para a reinvenção deste pobre e bisonho planetinha . .
        Se nada disso ajudar, sugiro beber uma cervejinha e aguardar a larica…
        Uma bela cerveja – http://brewdujour.blogspot.com/2008/05/brouwerij-huyghe-delirium-nocturnum.html

        Saudações
        Fabricio Poliana ( a comer uma bela pamonha …)
        . . . de chinelos, claro . . .

        Comentário por Fabrício Poliana (puxa, que soninho...) — 18 janeiro 2011 @ 19:48

      • Depravados comunistóides Poliana e Rego,

        ainda é tempo! Reconciliai-vos com a Fé e a Verdade! Ou o fogo eterno será implacável!

        Comentário por SáeBenevides — 19 janeiro 2011 @ 09:12

      • Confrade Saebené.
        Quando falo em comunistóide eu me refiro ao tal Guimarães , que ousa escrever a um ilibado diário do 1° mundo falando inverdades sobre nossa imprensa isenta e apartidária.
        Esses comunistóides vêem ataques em tudo oque é publiado sobre o desgoverno petelhista . Assim não dá assim não pode , já dizia o farol!

        Comentário por T.Melo Rego — 19 janeiro 2011 @ 10:56

    • Esses comunistóides!Nos fazem vergonha até no exterior , que saudades da Redentora.

      Comentário por T.Melo Rego — 19 janeiro 2011 @ 06:11 | Responder

  4. […] This post was mentioned on Twitter by Edilson Montrose and others. Edilson Montrose said: The Economist adere ao comunismo e propõe o calote da dívida externa: http://t.co/j0WNH8M […]

    Pingback por Tweets that mention The Economist adere ao comunismo e propõe o calote da dívida externa « Professor Hariovaldo Almeida Prado -- Topsy.com — 18 janeiro 2011 @ 00:50 | Responder

  5. Garboso e sempre alerta Prof. Hariovaldo de Almeida Prado,

    Muito obrigado por este alerta. Mesmo depois de ter visto a pataquada que fizeram na reportagem em que encontravam algum ponto positivo no governo esquerdista que findou, ainda lia esta publicação ocasionalmente. Agora, risquei-a de minha cesta de compras mensal na livraria.

    De fato, é muito triste ver a queda de um órgão que sempre lutou contra o comunismo. Mas, como meu sábio avô sempre ensinava, na luta contra o comunismo temos que estar preparados para quando as coisas que mais amamos começarem a despencar e não conseguirem mais se erguer…

    Seguramente, a degenerescência deve ter sido obra de traidores bolcheviques infilstrados na revista. Os comunistas sempre gostaram de se infiltrar nas redações. Nosso saudoso Roberto Marinho sempre soube domesticá-los bem. O outro Roberto, o Freire, também era bom nisso…

    Mas ninguém está livre de traições, caro Professor e caros confrades. Vejam o caso do Presidente de Nascença: descobriu agora ter sido traído por seu astrólogo oficial, que omitiu a existência de um novo signo do zodíaco para que as previsões saíssem todas erradas. É o que nos conta o sobrinho da tia Carmela, hoje: http://byebyeserra.wordpress.com/2011/01/17/escandalo-astrologo-infiltrado-impediu-vitoria-do-pres-zezinho/

    Essa coisa de horóscopo não iria dar certo, mesmo. Meu saudoso avô sempre dizia que isso era contra a fé católica e que os comunistas iriam se aproveitar disso para espalhar falsas crenças. Foi o que aconteceu. Nem o Presidente de Nascença escapou…

    Que S. Serapião e minha Santa Bisavó nos protejam!

    Comentário por Plinio C. de Oliveira Neto — 18 janeiro 2011 @ 00:52 | Responder

    • “meu sábio avô sempre ensinava, na luta contra o comunismo temos que estar preparados para quando as coisas que mais amamos começarem a despencar e não conseguirem mais se erguer…” Prezado Plínio, seu querido avó não mais teria motivos para tais preocupações com as modernas pílulas azuis, estando assim de posse de todo ser vigor cívico. Os posts da Tia Carmela são uma excelência neste mar cibernético de agitações comunísticas. Beijos a todos daquele sitio.

      Comentário por Padre Iscariotes — 18 janeiro 2011 @ 10:18 | Responder

      • Cabalísticos e astronômicos Plinio e Iscariotes,

        esses auto-proclamados horoscopistas são todos emissários do Caramunho, com a missão de difundir o narco-anarco-comuno-sindicalismo, do ramo lullodilmista, finaciado pelos sujos petrodolares dos traficantes andinos e dos vermelhjões orientais da Coréia, Irã e China.

        O Quiroga, assim como o Juscelino, vieram para solapar as campanhas do Almirante do Tietê e do Chuchuzinho de Pinda.

        Pau neles!
        heil!

        Comentário por SáeBenevides — 18 janeiro 2011 @ 13:33

      • Revmo. Pe. Iscariotes,

        Minha tia Carmela não entendeu essa parte das pílulas azuis, e eu fiquei sem graça de explicar. Mas ela pediu para que eu escrevesse à V.Revma. agradecendo o comentário elogioso. Ela ficou muito orgulhosa e pediu para avisar que quando V.Revma. quiser comer um pedaço de bolo de chocolate, é só passar na casa dela no domingo à tarde. E ainda me disse: “convide também o Pe. Quevedo, para ele não ficar enciumado. Não quero causar briga de padre, porque dá sete anos de azar…”

        Comentário por Tia Carmela — 18 janeiro 2011 @ 13:46

      • Meu respeitado Reverendo: Com meus pedidos de bençãos e beijando vosso anel, ainda que não episcopal, quero patentear uma dúvida que surgiu-me com esta matéria do Professor: “…quando as coisas que mais amamos começarem a despencar e não conseguirem mais se erguer..” é algum efeito colateral da pregação rubro-lulo-dilmista? Se for, estou perdido! Peguei a praga! Estou contaminado!!!
        Aqui tem coisa que tá caindo, caindo, caindo… e não mais consegue se erguer nem com reza brava ou reforçõs azuis. Oh! meu Santo Escrivá, valei-me nesta hora dolorosa e de agonia! Que não seja praga da ruiva búlgara.

        Comentário por Comendador Phyntias da Silva — 18 janeiro 2011 @ 15:54

      • Ilustre Comendador Phyntias, dispenso as formalidades intimistas de beijo em anel (Êpa). Há pouco tempo na minha paróquia, onde promovemos encontros de casais, me lembro de uma pobre senhora de meia-idade aos prantos, contando o episódio ocorrido em lamentável evento de Exposição de Touros. Em visita com o marido, não o poupou com comentários sobre o desempenho de alguns campeões no terreno da fecundidade, tendo alguns exemplares, a façanha de realizar várias coberturas no mesmo dia. Muito ofendida quando o marido afirmou ter certeza de não se tratar da mesma vaca todas as vezes. A solução dada por este humilde pároco, fã de ditos populares, foi que nada melhor para “um burro velho que um pasto novo”. Ainda estou a me recuperar dos inchaços no corpo após tal conselho, ficando uma semana sem minha malhação. Em último caso, na presença de queda de tensão, pode-se tentar o aterramento do fio, mas é uma medida com alguns efeitos colaterais amiúde indesejáveis. Beijos.

        Comentário por Padre Iscariotes — 18 janeiro 2011 @ 17:02

  6. Quem tem como me pagar, nada me deve!

    Devo, não nego; pago quando puder.

    Bota na conta do Abreu; se ele não pagar, nem eu.

    Quanto foi? Posso pagar em centavos novos ou você prefere sentar nos ovos?

    Moratória já! E uísque 12 anos a preço módico para a plebe.

    Comentário por Menandro Lento — 18 janeiro 2011 @ 01:11 | Responder

    • Cara Menandro
      The Economist agora diz assim: “Devo não pago; nego enquanto puder”

      Comentário por Cachorrinho Pulguento — 18 janeiro 2011 @ 07:37 | Responder

      • Ou ainda:

        “Devo, não nego; pago não, nego”

        Comentário por Carcará Estranho — 18 janeiro 2011 @ 14:19

  7. grande mestre do nada faz

    Agradeço de coração por ter colocado um novo post neste site. Ja nao aguentava mais ver a cara daquele po-eta! que cheirou todas, fumou todas e bebeu todas (ervas, bebidas e produtos a base de tolueno). Nem as folhas de chuchu de Mare Hollysmoke escaparam de tal po-eta.

    Comentário por Cachorrinho Pulguento — 18 janeiro 2011 @ 01:43 | Responder

    • Senhor Cachorrinho, ouso afirmar, pelos efeitos colaterais percebidos no texto por ele assinado, que as folhas que ele usa são produzidas na serra. É batata (apesar de ser chuchu)!

      Comentário por Mare Hollysmoke — 18 janeiro 2011 @ 12:30 | Responder

  8. Confrades, Mestre Hariovaldo:
    Fico procurando os motivos que levaram o “The Economist” a publicar tamanha insensatez.
    Talvez uns comunas infiltrados na redação, como já foi aventado no comentário do Confrade Plínio; talvez o editor de economia tivesse exagerado na dose de whisky; talvez o editor estivesse em dificuldades financeiras e acabou aceitando o cocadólares de Evo Morales.
    Enfim, não há explicação lógica para que aquele periódico abandone a lógica do livre-mercado: quem não pode pagar, que quebre, seja lá quem for.
    Fico aqui imaginando como nosso Governador Picolé, auxiliado por D. José – o Çerra – poderiam dar umas aulas de como o mercado resolve tudo na economia: agora, até a saúde em São Paulo ficará ao encargo dos nobres empresários do setor, e que a patuléia se exploda!
    Quem não puder pagar um plano de saúde, que vá para as filas dos hospitais públicos atrás das cinco senhas que, por certo, serão distribuídas diariamente.
    Que saudades do Prates…que lindo comentário não faria sobre a fidalguia do Picolé de Chuchu ao conceder tamanha benesse ao populacho…O que me conforta é que Prates – o Moderado – pode estar na Europa, onde poderá ensinar aos governantes, e ao desavisado editor do The Economist, como se trata a choldra.

    Comentário por D. Sebastião — 18 janeiro 2011 @ 01:46 | Responder

    • Nobilíssimo confrade,

      Como me regozijo com tão sábio comentário de Vossa Majestade, pois concordo em número, grau e massa atômica com El Rey.

      Nosso Balagueriano Governor com certeza, caso americano fosse, figuraria entre os republicanos mais ilustres. É nossa Sarah Palin sem saias!

      As medidas do chuchuzinho de taubaté são o extremo oposto do moreninho do norte, que quer transformar o eficientíssimo sistema de saúde americano, o “health for WASP”, que atende com perfeição aos brancos e bons, em um falido sistema que vai distribuir cibalenas e elixir paregórico à choldra.

      Como me conforta ver que, apesar da esfera federal ser uma máquina acéfala e desgovernada, nosso São Paulo de Pyratininga ainda está entregue nas mãos de oloríferos homens de alva epiderme.

      Alvíssaras!!!

      Comentário por Professor Temístocles Sabóia Filho (o bom) — 18 janeiro 2011 @ 12:20 | Responder

  9. Proponho, por nossa nobre cruzada, enviar umas dez assinaturas de cada um dos nossos isentos jornais e revista à editoria desse arremedo de imprensa. Se quiserem devolver dentro de conteineres, não os aceitaremos de volta.
    Quem sabe nossos bons homens bons e jornalistas, atualmente em férias – Vaitardi e Prates – não queiram enviar currículos para lá? Fariam bela figura ao, didaticamente, enobrecer tais páginas avermelhadas…

    Comentário por Heloísa de Saint Hilaire — 18 janeiro 2011 @ 02:27 | Responder

  10. Apologético mestre dos bons e das “boas” , Prô Hari.
    Suspeito eu como as demais comadres e confrades que os vermelhotes treinados pelo mephisto de Garanhuns tomaram a redação deste periódico de assalto. Esta é a única explicação plausível , se eles não possuem articulistas de mérito que venham a esta pátria tupiniquim que os supriremos com os melhores escribas , pessoas que sabem tudo de tudo e um pouco mais.
    Eles poderiam contratar para a seção de economia nosso presidente de carteirinha que sabe como fazer um “xoque de jestão” como ninguem.

    Comentário por T.Melo Rego — 18 janeiro 2011 @ 06:16 | Responder

  11. Realmente vergonhosa as atitudes dos editores desta outrora ótima publicação, ao publicar tão degenerante matéria, uma retrocesso que fere de modo inconteste, os belos princípios do neo-liberalismo e de tudo dele advindo.

    Espero que a luz que emana de nossos grandes comentaristas econômicos, possam novamente colocar ordem no raciocínio dos homens daquela publicação que, pressionados que foram por circunstâncias obscuras, cederam aos encantos de propostas similares as aqui apregoadas pelos comunos-petistas, liderados pela agora anunciado “presidente de honra do partido”, o noveunhento.

    Saudações

    Comentário por De Vaneio — 18 janeiro 2011 @ 07:30 | Responder

  12. Os comunas estão por toda parte!!!
    É um salve-se quem puder!!!
    Ainda bem que na TERRA São Paulo estamos salvos PSDB/DEM estão no comando!
    Aqui não alaga, aqui não se rouba, os pedágios são o suprassumo das tarifas justas!!!
    É a mais pura verdade, li tudo isso na veja e na folha!
    Irmãos em CERRA, vamos expandir o Império dos homemns de bem!!!
    Avante sobre as terras vermelhas do MST!!!

    Comentário por Marley — 18 janeiro 2011 @ 07:53 | Responder

    • Com certeza a gestão demotucana de Sumpaulo é exemplo de eficiencia, afinal todas as soluções em administração são antes de serem postas em prática testadas pela administração de Pinda . E como pode-se notar são um sucvesso em eficiência e economia de recursos.

      http://limpinhocheiroso.blogspot.com/2011/01/pindamonhangaba-na-merenda-escolar-tem.html
      Com certeza as crianças de Pinda são as mais bem alimentadas do estado.Afinal , tem carne na merenda todos os dias.Alvissaras!

      Comentário por T.Melo Rego — 19 janeiro 2011 @ 11:07 | Responder

      • Quem ensinou tudo pro Alckmin foi o Índio Merendeiro ou vice-versa?

        Comentário por Carcará Estranho, o Pega, Come e Mata — 19 janeiro 2011 @ 21:47

  13. Professor, tenho uma denúncia a fazer. Também o Financial Times está publicando mentiras descaradas a respeito do comunismo Chinês. Dá uma olhada:
    http://doomar.blogspot.com/2011/01/emprestimos-chineses-ultrapassam-os-do.html#links

    Comentário por Omar — 18 janeiro 2011 @ 09:56 | Responder

  14. Prezado Professor, esse é um dos melhores artigos do século (o de Vossa lavra, não o da revistinha metida a moderna). Poderiam contratar jornalistas equilibrados e sensatos que sabem tudo sobre todos os assuntos, como reinaldinho cabeção, olavo de carvalho. Pobres ingleses sem a Veja.

    Comentário por Centro-centrista Bem Equilibrado — 18 janeiro 2011 @ 11:06 | Responder

  15. Senhor dos remos e dos remadores, Professor Hariovaldo,

    Essa é uma revistinha para inglês ver.

    Economista por economista, prefiro os da veja, da folha, da globo, do estado, da band, todos excelentes e só abaixo, é claro, d’Aquele que também é engenheiro, futuro prefeito da República de São Paulo, mas só até 2014.

    Que São Serapião nos defenda das más leituras.

    Comentário por Don Joze de Pan y Agua (I) — 18 janeiro 2011 @ 11:32 | Responder

  16. Magagazinófobo Maestro di maestri Hariovaldo, nosso lume,

    Nobilíssimos Confrades, praticantes do nobre esporte bretão (o críquete, não o futebol – esse é da choldra),

    Esse tablóide de quinta categoria está virando um verdadeiro panfleto bolchevique.

    Daqui a pouco, suas edições vão vir com encarte especial do Livro Vermelho de Mao-tse-tung.

    A Grécia deve vender aquelas colunas de mármore a alguma loja de material de construção, e vender aquelas ilhotas aos novos bilionários (já que as que fizeram em Dubai perderam a graça).

    Que cada um cuide de seus problemas. Laissez faire, laissez passer…

    Que São Joseph Hill nos livre…

    Comentário por Professor Temístocles Sabóia Filho (o bom) — 18 janeiro 2011 @ 12:32 | Responder

  17. Eminente mestre,

    Nada como um dia após o outro. Lembro que em 1989 a Grobuuuuuuuuu veiculava que não votássemos em Lula pois o PT não pagaria a dívida externa e aí nós seríamos caloteiros. Agora o pai dos jornais fascistas concorda com o calote. E a Grobuuuuuuuu, o que será que fará?????????

    Comentário por Mariana Martins — 18 janeiro 2011 @ 15:10 | Responder

  18. Jornalistico Mestre Hari,

    Em contrapartida ainda temos um exemplo de imprensa limpa e ética, que atua a favor dos homens bons, (in)manipulando corretamente as noticias (rsrsrsr, gostou da minha sapiência… ainda não chego aos seus pés, mas depois de me formar na FAAP e ir estudar aristocracia em N. York, quem sabe torno-me seu secertário), temos o Noblat.

    A grande noticia que assola o MEC dado pelo Noblat, como uma grande referência em jornalismo que trata do assunto educação, em seu limpo e cheiroso blog (meu PC emite cheiro… tecnologia japonesa – o do turco Nassif fede) foi publicada hoje e diz o seguinte:

    “As falhas no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2010, agravadas desde domingo pela lentidão do sistema de informática que faz as inscrições no Sistema de Seleção Unificada (Sisu), derrubaram mais um presidente do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep), órgão do Ministério da Educação responsável pelo exame.”

    – Não importa a verdade de que o presidente do Inep pediu demissão desde dezembro de 2010 e que o ministro Hadad (filho de famila rica e por isso traidor) pediu para ele permanecer até a saída dos resultados do Enem
    – Não importa explicar que o site e o sistema informatizado do Sisu é dentro do MEC e não no Inep. Não importa que digam que no prédio do Inep não há nenhum servidor web e de rede do Sisu. A verdade é que o Sisu é do Inep;
    _ Por fim não importa dizer que deve ter uns 10 dias que já tinha sido escolhida uma “substituta” para o atual presidente do Inep. O que vale é ferrar com as pessoas que apóiam esse governo comunista.

    A culpa deve ser sempre do Inep, esse institutozinho cheio de pesquisador comunista… tão comunista que tem em seu nome o de Anísio Teixeira (um de seus fundadores), que sempre esteve contra os homens bons. Esse homem mal sempre por lutou pela democratização e o acesso da população a educação. Esse comunista Anísio Teixeira sempre foi favorável a educação ser pública e gratuita, de qualidade para todos. Usurpou a ideal do escolanovismo americano propondo-o para todos no Brasil, desde a década de 1930, para que atendesse pobres, mulatos, negros, índios, mestiços, imigrantes pobres… enfim a rale.

    O Inep deve ser destruído… a educação dos pobres já esta ótima… não precisa melhorar. Esse Inep fica gastando dinheiro com indicadores pra que? Só para dizer que as escolas públicas precisam de mais recursos? Fica dizendo que faculdades particulares são ruins para acabar com o lucro fácil. O dinheiro que o Inep gasta deveria ser dado a nós, homens bons, que sabemos como usar o dinheiro público.

    Ufa! Desabafei mestre. Só aqui temos espaço para esse tipo de manifestação lúcida e em prol do Brazil.

    Alvíssaras!

    Comentário por Loukos (In)Sanos — 18 janeiro 2011 @ 16:15 | Responder

  19. Qual de você homens bons estacionou o Porsche em cima da calçada no Leblon-RJ??? Acho que foi o tal de Judas Escariotes. E fabrício é a mãe.

    http://oglobo.globo.com/participe/mat/2011/01/17/estacionamento-irregular-sem-punicao-em-area-nobre-do-rio-923521925.asp

    Comentário por Sílvio Caldas — 18 janeiro 2011 @ 18:22 | Responder

    • Calma senhor caudaloso! Uma dose de prosac por certo o auxiliará para que não fiqueis exaltado diante deste pequeno deslize que algum homem bom cometeu na cidade fundada por Estácio de Sá.
      PORÉM, devo ressaltar, não deve ser nenhum homem bom daqui o dono daquele Porsche estacionado. Afinal, esse veículo popular não é digno de ter a bordo nenhum dos confrades que desfrutam da filosofia hariovaldiana. Nós, no mínimo, andamos de Ferrari.
      Logo, vá se queixar em outra freguesia.

      Comentário por D. Sebastião — 18 janeiro 2011 @ 22:09 | Responder

    • Sílvio Fabrício,

      Eu nunca estacionaria em uma calçada feia como essa.

      Ademais, todos os lugares que frequento possuem serviço de vallet.

      O carrinho até que é bonitinho. Vou comprar um desses para Rosinha, afinal, não quero acostuma-la mal com artigos de luxo. Um baratinho desses já basta.

      Comentário por Professor Temístocles Sabóia Filho (o bom) — 19 janeiro 2011 @ 15:42 | Responder

      • Muito bem Seu Carcará.

        Comentário por Sílvio Caldas — 19 janeiro 2011 @ 15:53

  20. Vetustos frequentadores desta terapia em grupo cibernética
    Quando penso no “Tigre Irlandês”, me vem uma sensação muito semelhante a que tenho quando leio ou ouço esse ôba ôba com relação ao Brasil superstar do desenvolvimento econômico. Independente de ser João, Maria, João Maria ou Maria João quem governa o país, deixar-se afagar em demasia ou tornar-se soberbo acaba facilitando a vida de abutres e aves de rapina além de atrair nuvens de gafanhotos. Mesmo sem muito conhecimento de causa, fácil perceber que especularam, usaram e abusaram da Irlanda, que estava tão convencida de seu potencial… A canoa virou proque deixaram-na virar. Só se esqueceu de ver no dicionário a diferença entre investimento e especulação e de lembra-se que investidores querem lucro e abandonam o navio sem titubear. Bolhas de sabão são bonitas, coloridas e alegres e sobem pelos ares. Mas duram pouco e se dissolvem no ar. Manter os pés no chão é sempre bom. Estruturar-se adequadamente , nem se fale (ainda impera a idéia de que o Brasil tem “vocação agrícola)

    Comentário por Pakatatu — 18 janeiro 2011 @ 18:30 | Responder

  21. Aos Verdadeiros Socialistas,

    Somente um néscio comprovado a vociferar asneiras de seu sarcófago, como é o Prof. Hariovaldo e seus prosélitos fascistas, poderia concluir este arrazoado de mentiras,e manobras pérfidas, visando a esconder a verdade da derrocada do capitalismo, até mesmo os conservadores liberais da The Economist, procuram agora mudar de lado, temem a sanha do povo, que durante séculos foi esbulionado por estes banqueiros gangsters, sempre em conluio nefasto com os ditos “nobres homens bons”, que de nobres possuem apenas seus titulos comprados com o trabalho do povo que sempre escravizaram, e dizem-se homens porque existe o viagra.

    O POVO unido a seus verdadeiros defensores, jamais cairá nesta esparrela, e estes que sempre nos roubaram, serão julgados por seus crimes de lesa-pátria, não venham agora a quererem se desculpar de seu passado infame, o POVO não esquece das marcas de seus rebenques facinorosos que reverberaram por décadas no sofrido lombo dos que realmente contruiram suas fortunas com trabalho praticamente escravo. Aguardem, a justiça os caçara em seus palacios construidos sobre a fome dos outros.

    P.S.: Aurélio Monte y Vaz, vim da indomita ilha de Cuba para cobrar-lhe o que é meu, e apoiar a verdadeira socialista, Companheira Dilma Rousseff, pague o que me deve, ou publicarei suas memórias de quando tú recebestes do Comandante Castro, a Comenda de Sierra Maestra, e passeavas por Cayo Largo dizendo-se um revolucionario na compania de José Dirceu. Quero ver o que seus atuais amigos fascistas degenerados irão achar de seu passado.

    Comentário por Nadja Krupskaya Ruiz y Monte Vaz — 18 janeiro 2011 @ 19:23 | Responder

    • Nobre Aurélio Monte y Vaz,

      Agora todos seus irmãos alvos e de bens podem compreender melhor seu pimpolho Júnior. Com escusas pela intromissão, talvez seja boa idéia proibir a mãe de se aproximar da inocente criança.

      Que São Serapião guie nossa descendência.

      Comentário por Don Joze de Pan y Agua (I) — 18 janeiro 2011 @ 19:39 | Responder

      • Caros Irmãos Cruzados da Fé,

        Em meus anos de juventude fui contaminado por fé degenerada e submergi, tal qual D. José Serra, Ferreira Gullar, o principe Fernando Henrique Cardosô, no infecto pantano das ideologias de Carlos marques, convivi com o demonio comunista, e portanto conheço suas decrépitas entranhas e posso combate-lo.

        Mergulhei nas orgias do marxismo-fidelismo, participei de congressos de degenerados esquerdistas, por isto sei que o mal que acomete a The Economist, é passageiro, em breve os verdadeiros democratas liberais que a comandam ,irão retornar a seara dos justos, dos cumpridores com seus deveres.

        Comentário por Aurélio Monte y Vaz — 18 janeiro 2011 @ 20:09

    • Confrade Aurélio:
      Claro está que tem a minha total solidariedade. Mas da próxima haja com mais cautela porque o amor abandonado converte-se em ódio e depois é essa chatice aí. Eu já vivi a mesma situação, portanto sei o que V.Exa. sofre de constrangimentos. Mas se aceitar um conselho aí vai; Vá a uma agência e pague um moço de programa para que finja um afair com ela. Vai ver, é batatal ao fim de um mês ela o esquece. E o S.r vai se julgar um novo Berlusconi, cheio de jovens pretendentas.

      Comentário por José Vicente de Magalhães — 18 janeiro 2011 @ 20:03 | Responder

      • Caro confrade.
        Terei que discordar do seu conselho. Vai que a comuna se encanta pelo jovem mancebo e seus dons e decide adota-lo? Aí é como se diz aqui no interior : O homen “tá na pedra” Será mais uma Sansseguga a drenar-lhe a poupança e os fundos.E olha que estes mancebos são careiros.

        Comentário por T.Melo Rego — 19 janeiro 2011 @ 11:16

    • Sir Aurélio.
      Não existem palavras que possam traduzir meu sentimento de pesar pela situação que Vossa Mercê passa: um filho como o Júnior, e uma ex-mulher como a tal Nadja…como diz o ditado popular “melhor seria morrer queimado”.
      Enfim, caro Confrade, acho que o conselho dado por Sir José Vicente de Magalhães pode surtir resultados: os hormônios da Nadja devem estar clamando por um pouco de testosterona.
      Sêde forte Sir Aurélio, e conte com nossa solidariedade.

      Comentário por D. Sebastião — 18 janeiro 2011 @ 22:17 | Responder

    • Dona comuna.
      Devo avisar-lhe que este espaço cibernético é um refugio dos homens bons , que o procuram nas horas mais tenebrosas , quando o comuno petelhismo ameaça a Tradição , Familia e Propriedade , portanto se quiseres dar xiliques ou lavar roupa suja , sugiro que procure a vara da famiglia.
      Ao confrade Aurélio , adverto-o que dar calote na pensão dá cadeia , então pague oque deve ou verá o sol nascer quadrado.

      Comentário por T.Melo Rego — 19 janeiro 2011 @ 06:31 | Responder

    • Prezada Nadja de Cuba (consegues assobiar e chupar cana ??). Vejo certa incoerência em vossa explanação. Se concordas com o calote proposto pelo jornal, porque se inconformas com a falta de vossa pensão? Comunismo na comuna dos outros é refresco. Beijos.

      Comentário por Padre Iscariotes — 19 janeiro 2011 @ 11:22 | Responder

  22. O blog do Uncle King também discute a mídia:

    #

    Tucano Otimista (18/01/2011 às 18:55):

    Viva a propriedade cruzada
    Abaixo o controle da mídia
    Vamos parar com a palhaçada
    Chega de tanta perfídia
    .
    Repudiamos todo o controle
    Que queiram implantar
    Achamos que só a própria mídia
    É que pode se regular!
    .
    Televisão, rádio e jornal
    A mídia brasileira é isenta
    Equânime, democrática e plural
    E comprometida totalmente
    Com a verdade factual
    .
    Na mídia brasileira
    Tudo é bem averiguado
    A mentira não tem vez
    Sempre se ouve o outro lado
    .
    Exemplo para todo o mundo
    A mídia brasileira desperta
    O reconhecimento profundo
    De uma sociedade alerta!

    Comentário por Leitor da Veja — 18 janeiro 2011 @ 20:44 | Responder

    • “História da Chapeuzinho Vermelho contada na Imprensa Brasileira

      Imagine se a história da Chapeuzinho Vermelho fosse verdadeira, como ela seria contada na imprensa do Brasil? Veja a história da Chapeuzinho Vermelho contada de formas diferentes!

      – Jornal Nacional: (William Bonner): “Boa noite. Uma menina quase chegou a ser devorada por um lobo na noite de ontem…” (Fátima Bernardes): “…mas a atuação de um lenhador evitou a tragédia.”

      – Programa da Hebe: ‘…que gracinha, gente! Vocês não vão acreditar, mas essa menina linda aqui foi retirada viva da barriga de um lobo, não é mesmo?’

      – Cidade Alerta (Datena): ‘…onde é que a gente vai parar, cadê as autoridades? Cadê as autoridades? A menina ia pra casa da vovozinha a pé! Não tem transporte público! Não tem transporte público! E foi devorada viva… um lobo, um lobo safado. Põe na tela, primo! Porque eu falo mesmo, não tenho medo de lobo, não tenho medo de lobo, não!

      – Superpop (Luciana Gimenez): ‘Geeente! Eu tô aqui com a ex-mulher do lenhador e ela diz que ele é alcoólatra, agressivo e que não paga pensão aos filhos há mais de um ano. Abafa o caso!’

      – Globo Repórter (Chamada do programa): ‘Tara? Fetiche? Violência? O que leva alguém a comer, na mesma noite, uma idosa e uma adolescente? O Globo Repórter conversou com psicólogos, antropólogos e com amigos e parentes do Lobo, em busca da resposta. E uma revelação: casos semelhantes acontecem dentro dos próprios lares das vítimas, que silenciam por medo. Hoje, no Globo Repórter.’

      – Discovery Channel: Vamos determinar se é possível uma pessoa ser engolida viva e sobreviver.

      – Revista Veja: Lula sabia das intenções do Lobo.

      – Revista Cláudia: Como chegar à casa da vovozinha sem se deixar enganar pelos lobos no caminho.

      – Revista Isto É: Gravações revelam que lobo foi assessor de político influente.

      – Revista Caras (Ensaio fotográfico com a Chapeuzinho na semana seguinte): Na banheira de hidromassagem, Chapeuzinho fala a CARAS: ‘Até ser devorada, eu não dava valor pra muitas coisas na vida. Hoje, sou outra pessoa.’

      – Revista Superinteressante: Lobo Mau: mito ou verdade?

      – Revista Tititi: Lenhador e Chapeuzinho flagrados em clima romântico em jantar no Rio.

      – O Estado de São Paulo: Lobo que devorou menina seria filiado ao PT.

      – O Globo: Petrobrás apóia ONG do lenhador ligado ao PT, que matou um lobo para salvar menor de idade carente.

      – Extra Promoção do mês: junte 20 selos mais 19,90 e troque por uma capa vermelha igual a da Chapeuzinho!

      -Meia hora: Lenhador passou o rodo e mandou lobo pedófilo pro saco!

      – O Povo: Sangue e tragédia na casa da vovó.
      Fonte: entrenessa.com.br

      Comentário por Mare Hollysmoke — 18 janeiro 2011 @ 21:26 | Responder

      • Very Old

        Comentário por Fabrício Pulguento — 19 janeiro 2011 @ 16:17

      • Cadê a falha?

        Comentário por Doutorsujeira — 19 janeiro 2011 @ 16:21

      • de S. Paulo, eu quis dizer.

        Comentário por Doutorsujeira — 19 janeiro 2011 @ 16:21

  23. Votei no Luis Carlos Prates para maior intelectual da atualidade. O The Economist poderia contrata-lo, uma vez que o mesmo se encontra de férias. Seria a volta da serenidade ao semanário.

    Comentário por Roderick — 18 janeiro 2011 @ 21:43 | Responder

  24. Dúvidas? Pergunte ao Tammer ou envie suas pergunta para Julian Assange: http://cartacapitalwikileaks.wordpress.com/2011/01/18/entreviste-julian-assange/

    Comentário por Mare Hollysmoke — 18 janeiro 2011 @ 21:50 | Responder

  25. 演出季。德累斯顿国家管弦乐团再次欢迎来此演出的指挥家与独奏、独唱家。观众们可以期待在本演出季聆听到准首席指挥克里斯蒂安·蒂勒曼、荣誉指挥科林·戴维斯爵士、指挥家赫伯特·布隆斯泰特、米哈伊尔·普列特涅夫、埃萨-佩卡·萨洛宁、独唱家安娜·奈瑞贝科、蕾妮·弗莱明、玛格达莱娜·科泽娜、托马斯·汉普森以及独奏家毛里奇奥·波利尼、鲁道夫·布赫宾德、内田光子、瓦迪姆·列宾、基东·克雷默的精采演出。

    灿烂的铜管」是德累斯顿国家管弦乐团于2011年2月3号演出的室内乐之夜〈五〉之主题;演出曲目包括了舒赫、巴赫、门德尔松、拉赫曼尼诺夫以及二十一世纪当代作曲家为铜管重奏而作或是改编给铜管重奏的作品。本晚演出者为德累斯顿国家管弦乐团铜管部乐手与乐团所邀请的客席演出音乐家 。

    上为德国电视台ZDF于德累斯顿塞帕歌剧院除夕音乐会中所拍摄之照片。克里斯蒂安·蒂勒曼指挥德累斯顿国家管弦乐团;主要演出者:蕾妮·弗莱明、克里斯托弗·马尔特曼以及安娜·奈瑞贝科与艾尔文·施洛特。

    Comentário por 汉语 — 18 janeiro 2011 @ 22:51 | Responder

    • 我很抱歉,這個日期我要阿澤維多的家開會

      Comentário por Hariovaldo — 19 janeiro 2011 @ 08:19 | Responder

      • 指挥家赫伯特·布隆斯泰特、米哈伊尔·普列特涅夫!!!!!

        Comentário por SáeBenevides — 19 janeiro 2011 @ 09:13

    • Я не верю … Есть люди, ничего не делают, желая показаться немного.

      então, aí vai uma fábula em sua homenagem: QUERENDO SER NOTADO

      Um belo dia, no tempo em que os animais falavam, houve uma grande reunião na floresta. Todos estavam reunidos com a finalidade de preparar uma grande homenagem ao Leão, o rei. Durante a reunião, foram apresentadas algumas sugestões com relação ao tipo de homenagem a ser feita.

      O primeiro a dar opinião foi o elefante:
      – Vamos fazer um espetáculo grandioso, com dança, música e tudo o mais.

      Os outros animais não concordaram. Disseram:
      – Não temos tempo suficiente, já que o aniversário do Leão já será amanhã. Como podemos preparar tudo?
      – Que tal fazermos uma encenação, um teatrinho – disse o macaco fazendo uma cara de grande ator.
      – Nada disso, disse a raposa, que continuou:
      – O grande Rei Leão precisa de uma festa digna, que esteja à altura do seu reinado; ele não vai gostar disso que vocês estão propondo. O que ele iria gostar mesmo, só eu sei.

      Nesse momento, todos pararam… ficaram em silêncio para ouvir a sugestão da Raposa. Então, a cobra que dirigia os trabalhos, disse:
      – Então fale, dona raposa, não vê que não temos muito tempo?

      A raposa, com um ar de quem domina a situação, foi logo falando:
      – Como eu sou a mais esperta das criaturas da floresta, sugiro um monólogo, no qual recito um poema de minha autoria. Tenho certeza de que fará o maior sucesso.

      Ninguém concordou com ela, é claro! Houve até um certo clima de hostilização, porque todos ficaram indignados com tamanha mesquinhez.

      Nesse ponto, a lebre que era a secretária da cobra naquele encontro, disse:
      – Retire-se, dona raposa. Temos mais o que fazer e o tempo se esvai. Esta homenagem é de todos nós, não de um em particular.

      Depois de muita discussão, chegou-se a conclusão de que o melhor a fazer era um recital de música, com a participação de todos. Como havia alguns mais afinados, como o sabiá e as araras, e outros nem tanto, como a girafa e os rinocerontes, o ensaio foi difícil, bem difícil. Mas, com a coordenação do macaco – fazendo o papel de maestro – o coral até que ficou bem afinadinho.

      No dia seguinte, quando o leão acordou, todos já estavam a postos. Tudo estava pronto e começou a cantoria… … …

      O Rei leão ficou todo feliz e, emocionado pediu que continuassem, que cantassem mais um pouco, até que, de repente, a raposa, desastradamente, começou a desafinar. Desafinou tanto que os outros animais foram parando de cantar um a um tendo ficado, no final, apenas a raposa, que continuava – agora com a voz mais alta e mais desafinada do que antes – cantando como se nada tivesse acontecido. Neste instante, o Rei Leão perguntou à raposa:
      – Por que você fez isso? Por que desafinou propositadamente? Por que destruiu a unidade dos seus colegas?

      Com cara de despreocupada e com ar de missão cumprida, ela respondeu:
      – Se eu não desafinasse, quem iria me notar?
      Ouvi dizer q pendurar uma melancia no pescoço e colocar um pisca-pisca no traseiro é uma ótima maneira de se diferenciar da multidão. (em: http://fernandobeltrao.zip.net/arch2010-10-01_2010-10-31.html)

      Comentário por Don Rodrigon de Compostela — 19 janeiro 2011 @ 14:40 | Responder

  26. Comentário por 汉语 — 18 janeiro 2011 @ 23:25 | Responder

  27. Que falta faz uma mídia de qualidade na terra da Rainha.

    Comentário por Fabrício dos Santos — 19 janeiro 2011 @ 01:00 | Responder

  28. […] The Economist adere ao comunismo e propõe o calote da dívida externa (via Professor Hariovaldo Almeida Prado) Todos nós estranhamos quando a outrora respeitável publicação inglesa trouxe uma capa mentirosa elogiando o desgoverno Lula. E agora, fica claro que aquele magazine degenerou-se para as raias do marxismo satânico passando a espargir ideias socialistas retrógradas e falidas. Vejam só, amados leitores fiéis, a falta que faz para um órgão de imprensa profissionais qualificados do gabarito de uma Míriam Leitão, Carlos Sardenberg, Arnaldo Jabour, Boris Casoy … Continue lendo este libelo contra o comunismo talqualmente falido […]

    Pingback por The Economist adere ao comunismo e propõe o calote da dívida externa (via Professor Hariovaldo Almeida Prado) | Beto Bertagna a 24 quadros — 19 janeiro 2011 @ 10:33 | Responder

  29. Há muito tempo que venho denunciando isso. E também há infiltrações marxistas nos governos da Italia, da França, da Alemanha…

    Comentário por emerson — 19 janeiro 2011 @ 10:47 | Responder

  30. Querido Mestre e Primo Hari,
    Tenho uma denuncia gravíssima !!
    A ditadura bulgara escarlate petista agora vai censurar através de seus órgãos de repressão um grande programa de cultura elevada, de nível altíssimo onde o aprendizaado de jovens da massa ignara estará comprometida !! Estão querendo censurar a Rede de TV insenta,democrática, apoiadores dos homens bons e de bem so Norte. Extremamente preoucpada com a instrução da gente ignara e ingrata (que não vê a benevolência de uma das melhores redes de TV do mundo) agora sofre revezes do autoritarismo ateu comunista !!
    Quando uma TV dos homens bons se dispõe de seus recursos financeiros e logisticos para dar uma educação de fino trato ‘a massa ignara, vem os órgãos de repressão rubro estelar atuarem para o fracasso de tão grandioso projetos da educação do povo.

    Trata-se do artigo de um servo fiel ao comunismo rubro estelar chamado Rodrigo Vianna:
    http://www.rodrigovianna.com.br/radar-da-midia/ministerio-publico-federal-esta-de-olho-no-%e2%80%9cbig-brother%e2%80%9d-e-seus-excessos.html

    Denuncie !!!! Isso é uma afronta a liberdade de expressão !!
    Pòr favor

    Comentário por Baronesa Maria Yolanda Tavares Penteado — 19 janeiro 2011 @ 11:21 | Responder

  31. 4ª Qüestão:
    Cite o nome grego associado ao “trololó petista”
    a-) Sócrates
    b-) Archimedes
    c-) Homero
    d-) Heródoto
    e-) Todos, afinal estes gregos eram todos uns pederastas.

    Comentário por Padre Iscariotes — 19 janeiro 2011 @ 14:50 | Responder

  32. 5ª Qüestão :
    Qual dos animais abaixo pronunciou a frase : “que o machismo selvagem nos livre da Rubra” ?
    1-) A macaca Chita
    2-) A macaca Xiita
    3-) A mula Maitê
    4-) A cadela Lessie
    5-) O cachorrinho pulguento
    6-) NDA : animais não falam seu animal.

    Comentário por Padre Iscariotes — 19 janeiro 2011 @ 15:06 | Responder

  33. Boa tarde, Velharias!
    Ouço agora que em São Paulo, terra dos Homens Bonzos, já não tem mais esquerda e direita: agora é bombordo e estibordo.
    Tudo graças ao Alagado D. Chirico que os cabungos reaças deste blog tanto amam!
    Rá!
    Essa canalha direitista será esmagada em 2012 e novamente em 2014. Quem viver verá!
    Como vocês estão todos caindo pelas tabelas dada a provecta idade que têm, talvez não lhes reste tempo para ver algo através de seus olhos míopes e cataratosos.
    Assim como a UDN, a banda podre deste blog será igualmente esganada pelas forças vermelhas libertárias.
    Avante! Salve Dilma, redentora do povo brasileiro!

    PS – Que papelão, heim seu Aurélio?
    Paga logo a moça aí pra não arranjar dor de cabeça.
    Velho lambão: na juventude só fez m(*). Agora tá sentando em cima! Nasceu errado, viveu errado e, portanto, só podia acabar assim: mal amado, chamando gato de meu bem e na pindaíba!
    Tchau, Velharias!

    Comentário por Carcará Estranho, o Pega, Come e Mata — 19 janeiro 2011 @ 15:41 | Responder

    • Estimado Estranhíssimo Carcará ,o Pega e Come Carniça:
      Quanto amargor em suas palavras! Na falta de argumentos,distilas rancor .
      No fundo…bem no fundo… isso demonstra uqe tens uma atróz inveja da nossa lucidez,o que o faz
      levar tudo por trás.Olha,o mundo é bom e voce tambem pode ser feliz. Porque não te tornas vegetariano?

      Comentário por Von Kasca — 19 janeiro 2011 @ 17:29 | Responder

    • Confradas e confrades,

      Seguramente, o geltilhomem Carcará deve ter comido algo estragado ou pegou algo que o surpreendeu por trás.

      Só assim se explica tão deselegante linguajar e tão viperino ataque a pessoas que, embora discordantes em tudo que a ave pensa, sempre a acolheram com tolerância neste espeço destinado às altas elucubrações científicas, espirituais, políticas e, por que não, amorosas.

      Ave, Carcará! Ave, Adão!

      Comentário por Don Joze de Pan y Agua (I) — 19 janeiro 2011 @ 18:03 | Responder

    • Parabéns senhor Carcará pelo brilhante comentário. O senhor tripudiou em cima dos velhos babões. Um dos melhores comentários já publicados neste blog.

      Comentário por Candinha Mexeriqueira — 20 janeiro 2011 @ 07:45 | Responder

  34. 6ª Questão:
    O “spammer” R. Constantino, com seu artigo inteligentíssimo comparando o Filme “A escolha de Sofia” com o último pleito presidencial, nos brindou (principalmente a lixeira dos emails de todos homens de bem), com um raciocínio bem fundamentado e mostrando principalmente:
    a-) Que conhece tão bem a arte do cinema como a política
    b-) Que amigos que mandam emails repassados são muito legais
    c-) Que devemos assistir mais novelas, onde tudo acaba bem no final
    d-) Que qualquer miserável pode mandar emails.

    Comentário por Padre Iscariotes — 19 janeiro 2011 @ 16:45 | Responder

  35. Para muitos, Hariovaldo é considerado um homem religioso, um místico, um bruxo, um esoterista (isso era a última coisa que passava pela sua cabeça). Mas, sabemos, sempre se negou a seguir e a professar a doutrina de seu pai (pastor luterano) ou qualquer outra religião. Suas inquietudes espirituais só foram preenchidas e resolvidas quando teve acesso à Divina Ironia e à Alquimia- justamente duas formas do conhecimento antigo, muito ligado ao gnosticismo clássico.
    É que Hariovaldo, como os gnósticos, negava-se a fazer parte de um sistema religioso morto. Por isso, dedicou sua vida à busca, à compreensão e à explicação de Deus como algo vivo, concreto e experimentável, fazendo dessa busca a base de todo o seu trabalho. Como conseqüência dessa atitude, que sustentou ao longo de toda sua larga existência, de um lado conseguiu o desprezo dos religiosos, crentes e teólogos por jamais aceitar, como vaca de presépio, as arengas de uma fé destituída de vida e conteúdo, e de outro, o descaso e o escárnio dos supostos homens de saber (os que se dizem homens de ciência), por não ver inconveniente algum em mesclar Deus com os objetos da pesquisa científica ortodoxa (que não admite, de forma alguma, aspectos, realidades e fenômenos metafísicos, espirituais ou transfisiológicos em suas pesquisas, estudos e investigações).
    É aqui, então, que jaz o grande desafio de levar ao público não-iniciado os mistérios da Divina Gnose, a mesma que deu a Hariovaldo (e a tantos outros, do passado e do presente) as respostas que buscava para suas inquietudes espirituais e, também, para levar à cura as almas doentes que o procuravam em seu templo. Amém

    Comentário por Sílvio Caldas — 19 janeiro 2011 @ 17:14 | Responder

    • Oh Aleluia! Hosana nas alturas!

      Queima ele meu pai!

      Comentário por Bispo Onaireves Alves — 19 janeiro 2011 @ 17:25 | Responder

      • É isso aí, Rosana nas alturas !
        É o divino gozo que leva aos píncaros celestes, através de Rosana, a pura ( porém sacana)!

        Comentário por Roberto — 19 janeiro 2011 @ 17:56

    • E, agora,vamos passar a sacolinha!

      Comentário por Heloísa de Saint Hilaire — 19 janeiro 2011 @ 17:53 | Responder

    • Vejo que leste mais uma das várias biografias não autorizadas de nosso Magister.

      Alerto-te, ó desavisado, que apesar de vosso estupor, causado com certeza pela revelação proporcionada através do contato com o Hariovaldismo, que Hariovaldo não é um gnóstico, mas um bom cristão trinitarista, devoto de Bálaguer, Inácio ( o de Loyola, não o Luís) e, acima de tudo, de São Serapião.

      O hariovaldismo é para os que já superaram essas inquietudes da alma tão própria aos que portam bolsas de ráfia e vestem camisas de seda com motivos indianos e tomam chás feitos com espécimes do reino funghi.

      Nós, os hariovaldistas puros, não nos preocupamos com assuntos comezinhos, como a preservação do planeta terra, a origem da alma humana ou a paz mundial.

      Nos dedicamos a assuntos superiores, como o mal-vestir da presidente da república, se abotoaduras de ouro ainda podem ser usadas por nobres fidalgos ou já compõem definitivamente o stuff dos noveau-riches, entre outros assuntos de relevância, que sempre ocupam nossas tertúlias vespertinas.

      Espero que o incauto amigo tenha entendido.

      Comentário por Professor Temístocles Sabóia Filho (o bom) — 19 janeiro 2011 @ 18:00 | Responder

  36. Em poucas palavras: sem menosprezar as conquistas da ciência e os dogmas das religiões confessionais (que têm seus papéis a cumprir) Hariovaldo oferece meios, sistemas, técnicas, disciplinas e ensinamentos que podem levar o indivíduo ao conhecimento direto ou revelado.
    Após aberto este selo,Retiro-me.

    Comentário por Sílvio Caldas — 19 janeiro 2011 @ 17:35 | Responder

  37. Sem nenhum ranço de fanatismo, e apenas para salientar um aspecto Harovaldiano em seu mais exaltado grau, o fato é que as lideranças políticas e religiosas de todos os tempos sempre detestaram Hariovaldo e os gnósticos justamente por causa da implicação social das possibilidades que esse conhecimento oferece: um gnóstico não depende de ninguém e de nada porque se desapegou de tudo e de todos; vive de e para Deus (seu verdadeiro Ser, seu Pai Celestial), unicamente.
    Para melhor compreender essas asseverações, vejamos algo da história e das tradições religiosas antigas: Jesus respeitava as leis, a sociedade, a família, o governo, tudo. Mas, não era dependente do sistema da época. Reuniu tal poder em si mesmo que, literalmente, podia tudo. Moisés, pelo poder divino que reuniu em si, conseguiu libertar o povo judeu do cativeiro no Egito, contra a vontade do Faraó. Buddha, quando conheceu a realidade da vida, largou tudo e buscou a iluminação (ou libertação do jugo e dos poderes da matéria). Enoch, pela sua fé e devoção, foi levado ao céu em corpo e alma. Isaías foi serrado ao meio porque se negou a comer alimento servido aos ídolos ou falsos deuses. Sócrates tomou cicuta e morreu feliz defendendo suas idéias. Jâmblico, o grande mago, podia materializar Anjos e Deuses, e com eles conversar frente a frente. Agora, no amanhecer do III Milênio, vemos o surgimento Hariovaldo, que por 300 anos, dedicou-se às coisas de seu Pai Celeste.

    Comentário por Sílvio Caldas — 19 janeiro 2011 @ 17:48 | Responder

    • Aleluia!
      Diferentemente, porém, de Enoch e Buddha, o grande místico Hariovaldo prega a meditação em conjunto com belas donzelas, o que, aliás, é muito melhor ! Dois terços na mão e um terço na boca, as moçoilas fazem misé…digo, mil orações .

      Comentário por Roberto — 19 janeiro 2011 @ 17:58 | Responder

    • O sr. em caldas aí tá extrapolando na babação de ovo em cima desse velho safado do Hariovaldo..
      Deixa de ser puxa-sacos e vá te roçar nas ostras, velho babão. E outra: você não entendeu nada da “filosofia” hariovaldiana. O velhote Temístocles está muito mais próximo da verdade: Hariovaldo é raso como um pires e não tem essas viadagens de Buda e Isaías, não.
      E além disso, como o sr. em caldas pode saber se Sócrates morreu feliz ou xingando a mãe de seus algozes? Foi aquele abestado do Platão quem disse? Ora, vá pentear macacos e não fale besteiras.
      Quando Jesus disse: “Não vá o sapateiro além do sapato”, devia estar pensando no senhor.
      Adeus, Velharias!
      Hoje estou com a macaca Xiita!

      Comentário por Carcará Estranho, o Pega, Come e Mata — 19 janeiro 2011 @ 21:36 | Responder


RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: