Professor Hariovaldo Almeida Prado

25 maio 2011

Reestabelecida a verdade linguística

Filed under: Relatos Pessoais — Hariovaldo @ 16:19
Tags: , , , ,

Filósofo brasileiro restabelece a verdade e cala os esquerdistas invejosos da elite nacional.

Anúncios

119 Comentários »

  1. “Os psiquiatras dizem que uma em cada quatro pessoas tem alguma deficiencia mental….fique de olho em tres dos seus amigos.Se eles parecerem normais o retardado é voce”.Dizem por ahi que os amigos do PRATES são todos normais…….

    Comentário por CARLOS AUGUSTO — 25 maio 2011 @ 16:39 | Responder

    • O grande Sr. Prates arrasou nesse seu comentário. Sua sapiência só é ultrapassada, obviamente, pelo magnífico Professor Hariovaldo, que é incomparável.

      Alvíssaras !!

      Comentário por Sir Robert — 27 maio 2011 @ 14:21 | Responder

  2. Em homenagem à “pútrida esquerda”. Scriabin:

    Comentário por Pe. Iscariotes — 25 maio 2011 @ 16:39 | Responder

    • Aí un poco mais pras zelite, linga rearmente universá. Par frente manos do Hari.

      Braços

      Comentário por Mano du Curintia — 26 maio 2011 @ 10:53 | Responder

      • Comentário por vipissima — 26 maio 2011 @ 12:40

      • Sinceramente, gosto mais de Sir RObert Plant …

        Comentário por Sir Robert — 27 maio 2011 @ 14:26

  3. Ressuscitador Mestre: Eu pensava que o nosso arauto da dignidade estivesse morto e enterrado e eis que suge lépido e fagueiro sob a bandeira do homem do Baú. O melhor do vídeo é quando ele diz que “a fala nos faz elite”. Só corrijo o português do gajo quando ele mistura segunda com a terceira pessoas usando tu e vocês…. Este sítio, professor, nos reserva cada susto!!! Este foi de arrebentar o pobre coração e apelar para Santo Escrivá ultimamente tão esquecido por nossos piedosos analistas!!! Alvissaras, o homem dos carros de luxo e a velhinha de Taubaté ainda existem!!!!

    Comentário por Comendador Phyntias — 25 maio 2011 @ 17:00 | Responder

    • Nobilíssimo comendador,

      – Ressuscitar a velhinha de Taubaté eu concordo já que ela é muito divertida;

      – Ressuscitar este Pé no Saco Prates não é legal. No post anterior ressuscitaram o Zé bolinha. Cruz credo, tá até parecendo um filme trash tipo Zumbee, o despertar dos mortos 1 e 2.

      Comentário por Cachorrinho Pulguento — 26 maio 2011 @ 02:28 | Responder

      • Vox Populi, vox dei!!! Concordo com vossa pulguenta magnificiência em todos os caracteres pontos e vírgulas. Viva a Velhinha!!!!

        Comentário por Comendador Phyntias — 26 maio 2011 @ 13:20

    • Mas ele está morto, laureado Comendador.

      Isso que o sehor está vendo são movimentos de espasmo post mortem, ocasionados pela decomposição das varizes da hemorróida do falecido defensor da elite.

      Pêsames!!!

      Comentário por Almirante Walter Füdher — 27 maio 2011 @ 07:56 | Responder

  4. Hariovaldino querido
    Não sei como agradecer-te (tu viu como eu falo a lingua culta?) por esta páscoa prateana (to matando a pau no léxico). Pensei que não mais veria esta figura difícil, e como ganhei de um facha petista uma cana da boa, é hoje que vou bebemorar a “volta do Prates” e da-lhe Nelson Gonçalves.

    Comentário por Beato Crapolino — 25 maio 2011 @ 17:15 | Responder

    • Eu vi
      Tu viste
      Ele viu
      Nós vimos
      Vós vistes
      Eles viram

      Comentário por Claro Bem Aventurado — 25 maio 2011 @ 17:22 | Responder

      • Agora conjuga o verbo amafagalfar, eucariota!!

        Comentário por Beato Crapolino — 26 maio 2011 @ 15:30

    • Beato, não é “tu viu”, é “tu viste”, pô.
      Que coisa ter que acorregir osotro…

      Comentário por Chatowsky — 25 maio 2011 @ 20:17 | Responder

    • Analfabéticos…

      Comentário por Almirante Walter Füdher — 27 maio 2011 @ 07:58 | Responder

  5. Genteeeeeee, esse cara é muito engraçado, como não sou da “elite” não consegui entender muito bem o que ele falou; pra me tornar elite é só falar, falar, falar, adequadamente? Ter bons gostos? Talentos especiais? Apuro da nossa personalidade? Com meu salário de professora da Rede Pública é outro o apuro que conheço.Só esforço e consciência e me tornarei elite, meus companheiros que dão aulas de língua portuguesa são da elite? Aliás não entendi, o que é a Cadeira da Língua Portuguesa? É uma cadeira onde se senta para aprender a língua mãe?E falando em mãe é ela mais o pai que tem que falar da importância da tal cadeira?Para termos alguma utilidade só através da língua da nossa mãe?
    Está muito difícil para entender tudo que ele falou, só entendi claramente aquela parte que: nóis fumo, nóis vortemo de bicicreta, eu sempre vou e volto de bicicleta, não sabia que ele também andava de bicicleta.
    Gostei muito do elogio para a esquerda chamando-a de pútrida, não sei o que quer dizer mas deve ser uma coisa muito boa pois, segundo ele deve-se colocar um x VERMELHO quando houver erro nas provas dos alunos.Assim, percebe-se que os VERMELHOS é que implantaram definitivamente o padrão culto no País.

    Comentário por mônica — 25 maio 2011 @ 17:28 | Responder

    • Cara ignorante, fabricia miserável que nunca leu um livro.
      Cadeira é sinônimo de matéria, termo muito usado aqui no sul do país. Catedrático é o titular da cadeira, aquele mestre que é douto em sua área.
      (ca.dei.ra)

      sf.

      1. Móvel que serve de assento para uma só pessoa, com encosto e quatro pernas, às vezes com braços.

      2. Assento individual ocupado por uma pessoa eminente; TRONO; SÓLIO

      3. Lugar ocupado por um dos membros de uma corporação política, literária ou científica: “Lástima que Teixeira de Freitas não tivesse uma cadeira de legislador.” (Machado de Assis, “Balas de estalo”))

      4. Cargo ou função de professor titular de uma disciplina de nível universitário: concurso para a cadeira de latim.

      5. P.ext. Disciplina ou matéria de um curso

      6. Assento de plateia (em cinemas, teatros, auditórios, ginásios etc.) dividido com braços para acomodar uma só pessoa.

      7. P.ext. Bilhete de ingresso para ocupar esse tipo de assento, ger. com o número do lugar preestabelecido.

      8. Cap. Posição (pés paralelos e pernas parcialmente flexionadas) que permite ao capoeirista, a partir dela, tanto esquivar-se de golpe como contra-atacar

      9. Anca, quadril [Mais us. no pl. Ver cadeiras.]

      [F.: Do gr. kathédra. pelo lat. cathedra.]——CALDAS AULETE

      Se você é professora entende-se porque a educação está como está.

      Comentário por Claro Bem Aventurado — 25 maio 2011 @ 17:39 | Responder

      • Senhor Alvo…ops Senhor Claro,

        Algumas observações que devem ser observadas:
        – “Catedrático” não é aquele profissional responsável pela manutenção de uma catedral ?
        – Na definição de cadeira, (item 1), ta escrito que as cadeiras tem QUATRO pernas. A minha cadeira é giratória e possui CINCO pernas;
        Item 4: “concurso para a cadeira de latim”: Como um bom cachorro gosto muito de latim, Costumo latim muito o dia todo, inclusive na cadeira do computa dor;

        Comentário por Cachorrinho Pulguento — 26 maio 2011 @ 02:31

    • mônica sem sobrenome,

      Vossa profissão já a qualifica para fazer parte da elite (desde que não faças parte da APEOPESP).

      Todas as vossas dúvidas serão desvanecidas com a leitura assídua da filosofia hariovaldiana (sugiro que leias todos os posts de 2006 pra cá).

      Ajudará muito ler a obra do Farol (mas após ler, esqueça-se do que leu, como ele mesmo mandou).

      Acima de tudo, deveis abandonar o consumo de croquete, de tubaína, de bife a cavalo e o uso de bobis no cabelo, bem como o de meinha de celular e quebrar em mil e vinte e dois pedaços a vossa caneca do corinthians.

      Deves pegar uma foto do Sapão da língua presa, e durante a novena de São Serapião, repetir sete vezes olhando para a foto: “desconjuro-te!”.

      Assim, poderás começar vosso longo e árduo caminho rumo à libertação de vossa alma dos grilhões impostos a ti pela lascívia comunofeminil.

      Comentário por Professor Temístocles Sabóia Filho (o bom) — 25 maio 2011 @ 17:47 | Responder

      • Fessô, o que o sinhô tem contra meu curingão???

        Comentário por Chatowsky — 25 maio 2011 @ 20:22

      • Nobre lente TSF ( o Bom ) .
        Esquecestes de mencionar que a pobre neófita Mônica ( pelo nome já ganhaste 100 pontos entre os homens bons , se o o sobrenome for Dantas já estará quase aceita em nossa confraria ) doravante só deverá se informar pela Veja , O Estadão a Folha e o Globo além é claro de só assistir os programas da vênus platinada . E quando fizer suas orações , que seja ajoelhada sobre as tampinhas de crush ( com o lado afiado para cima ), com o cilício bem apertado , um terço na mão e dois na boca e na outra mão uma foto de nosso ungido Çerra , sempre repetindo o mantra “Çerra é do Bem” .
        E é claro que na qualidade de professora , ela não deve fazer parte daquela organização marxista , composta de ingratos régiamente pagos que vivem a chorar de barriga cheia chamada APEOESP .
        Que São JP II , protetor dos comunistas e ouros comedores de criancinhas tenha misericórdia desta pobre alma .

        Comentário por T. Melo Rego — 26 maio 2011 @ 03:28

    • Amável Professorinha mõnica
      Sem um condizente saldo bancário jamais sereis elite.Nem seus companheiros, estejam eles sentados
      nas suas cadeiras ou não, e falando a língua mãe ou mesmo a lingua do pai.

      Comentário por Von Kasca — 25 maio 2011 @ 19:52 | Responder

      • O que é lingua mãe?
        Nunca vi uma lingua grávida…

        Comentário por Chatowsky — 25 maio 2011 @ 20:24

      • Se lingua “enprenhasse” ia ser um tal de boca aberta com a lingua pra fora que nao ia ser normal!!!KKKKK

        Comentário por Marci — 25 maio 2011 @ 20:50

      • Fala-se tanto em língua mãe… e o pai onde anda?? É um safado que fugiu de suas responsabilidades?

        Comentário por Cachorrinho Pulguento — 26 maio 2011 @ 02:32

      • Saldo bancário, nobre Von Kasca, nada mais é que um declaratório bancario que especifica a quantidade de numerário que a pessoa tem a seu dispor. Coisa de pobre. Elite não tem conta em banco. Nem saldo bancário. Elite tem banco!
        Isto posto, aguardamos ansiosos sua desfiliação da categoria elite. Assuma-se como um classe D emergente.

        Comentário por Alan Rauze — 27 maio 2011 @ 10:12

      • Nobre Alan Rauze
        Tendes toda a razão más que isso fique entre nós. Eu estava é esclarecendo o assunto de forma
        que a professorinha plebéia pudesse entender.

        Comentário por Von Kasca — 27 maio 2011 @ 11:20

    • Ihhh!Eu penso igualzinho vc, querida, Beijinhos!!!

      Comentário por Lili, a musa do "Cansei" — 26 maio 2011 @ 13:24 | Responder

      • Foi talvez um infortúnio, Nobre (maiúsculo) Von Kasca, o uso primeiro do seu linguajar coloquial. Foi o que me passou. Porém, tendo presente seu esclarecimento – e meu estarrecimento – de Vós ter-des de descer do pedestal para que a operária plebéia pudesse ter um mínimo de entendimento do assunto em tela, vejo-o integralmente, s.m.j., merecedor do galardão elite. E demonstra sua face benvolente, didaticamente, arriscando-se nessa algaravia que os nécios chamam linguagem. Pode V.Senhoria destroçar o papiro de desfiliação.

        Comentário por Alan Rauze — 27 maio 2011 @ 13:07

      • Estimada Lili,

        contenha-se. Esse tipo de intróito, Ihhh, é algo peculiar – quiça vulgar – quando usado pela ignara plebe, massa de manobra do bolchevismo mais escuso do apedeuta desprovido de falange.(Que caiam sobre ele as falanges facistas de Franco!).
        Mas uma musa conspurcar seus doces lábios em tal fel? Jamais. Espero não mais obrigar meus cansados olhos azuis, com sua lentes Transition, a ler tal onomatopéia de péssimo gosto. Tivesse ela, a onomatopéia, a poesia da Winchester, com seu aveludado son Ku Klux Khan.

        Comentário por Alan Rauze — 27 maio 2011 @ 13:15

    • Cumpanheira Monica. Falá e falá e num dizê merda nenhuma como u stromboio do Prates somene rindo e bastante com u Zé

      Comentário por Mano du Curintia — 27 maio 2011 @ 07:00 | Responder

    • Lewinskiana professora Mônica,

      Suas observações, com efeito, procedem. Todavia, para que integres a elite, além de ter os atributos por ti mencionados, deves:
      -desprezar a mundiça rota e esfarrapada;
      -ter apego a tudo o que o capitalismo oferece (o que ele não oferece a gente toma a força);
      -ter em mente que somente os da elite são teus iguais e que a gente diferenciada deve continuar no seu lugar…diferenciado;
      -assistir a Rede Globo, ler a Folha e a Veja e ouvir a CBN;
      -manter distância dos representantes de outras raças, gays, corinthianos, flamenquistas, etc;
      -continuar a frequentar este sítio sagrados dos homens bons e de tez alva;
      -amar (no bom sentido) e respeitar o Professor Hariovaldo, sobre todas as coisas.

      e o mais importante:
      Exclamar “Alvíssaras” cotidianamente.

      Comentário por Almirante Walter Füdher — 27 maio 2011 @ 08:13 | Responder

  6. O grande philópho Doutor Prates tudo sabe e tudo vê. É um especialista em todos assuntos, o bom homem das elites é jênio da norma culta. Daí ter mencionado a pútrida esquerda invejosa das elites. Eu não colocaria em minha loja um analfabeto da norma culta, afirmou o jênio (tal qual o Doutor Cerra).
    Já um subversivo inculto de nome Marcos Bagno, linguista, escritor, tradutor e professor do Instituto de Letras da Universidade de Brasília, afirmou em sua cantilena da inveja das elites:
    “Uma falsa polêmica”
    “Ao fazer tanto alarde em torno de algo que para os educadores é uma prática já consolidada, essa falsa polêmica, na verdade, é mero pretexto para os que se empenham em reunir mais munição para desacreditar o governo da presidente Dilma Rousseff: os mesmos que, amparados pela grande mídia (comprometida até as entranhas com os interesses das elites de um país campeão mundial das desigualdades), tornaram a última campanha presidencial um desfile de mentiras grotescas. Por isso, é melhor procurar em outro canto, porque aqui a “culpa” não é deste governo, mas vem de muito antes.”
    Como se vê é um Dilmo-búlgaro-chavista, só falta querer culpar os 500 anos de ótima, desinteressada e fina gestão político-administrativa, que antes de sermos submetidos ao governo do ébrio-apedeuta, tivemos a felicidade de ter.
    Era o que faltava!
    Por isso propugno a imediata implantação da monarquia.
    Absolutista, para não sermos obrigados a ver e ouvir despautérios da esquerda pútrida e fedorenta.
    E que Prates seja elevado de pronto a duque-conselheiro del Rey.

    Comentário por Ramsés II — 25 maio 2011 @ 17:36 | Responder

    • Meu enfaixado Faraó, deus de todas as guerras: “aquele” jornal carioca publica hoje a descoberta por satélites de nada menos que 17 pirâmides e túmulos de nobres no vale de Shakara. Isso dará a Vossa Majestade mais força ainda para perorar com êxito nossa causa. Implantemos já a monarquia e alcemos D. José à condição de Duque da Vila Formosa e Conde da Mooca. De joelhos submeto-me a Vossa Excelência, Filho de Rá e Horus!!!

      Comentário por Mikhail Bordunov — 26 maio 2011 @ 13:29 | Responder

    • Lastimo apenas que um ser tão qualifica para pertencer aos homens bons, como o Sr. Prates, caia no erro grosseiro, comum ao populacho, de declarar, em voz alta, a expressão “falar errado”. Para nós, usuários da norma culta desde o berço (minha ama-de-leite já tinha doutorado), é transparente a forma correta da expressão: falar erradamente!

      Comentário por Alan Rauze — 27 maio 2011 @ 10:16 | Responder

  7. Homem bom, trabalhador incansável, bom caráter, manso e de palavreado culto, incapaz de ofender a quem quer que seja, vai à Lisboa espalhar o bem mesmo ganhando uma ninharia, perseguido pela governo da esquerda pútrida e invejosa:

    “Afastado do Itamaraty desde 1982, o ex-senador Arthur Virgílio (PSDB-AM) assumirá nos próximos dias o posto de conselheiro especial na Embaixada do Brasil em Portugal. Ele embarca hoje com a mulher para Lisboa.
    Após a derrota na tentativa de se reeleger senador em 2010, ele pediu para voltar ao Ministério das Relações Exteriores, mas tirou férias logo em seguida.


    Lula Marques/Folha Imagem

    O ex-senador Arthur Virgílio (PSDB-AM) assumirá o posto de conselheiro especial na Embaixada do Brasil em Portugal

    O tucano conta que, além de Portugal, ofereceram a ele outros dois países e um cargo no escritório de representação do Itamaraty na região norte do Brasil.
    “A intenção pode ter sido a melhor possível, mas eu expliquei que não podia aceitar uma coisa que achei pequena”, disse.
    Segundo o Itamaraty, o tucano pediu para participar de missão transitória no exterior. Ele pode ficar no mesmo posto por até um ano.
    “O que eu vou fazer lá? Vou combinar com o embaixador. Eu gostaria muito de cuidar dos países africanos de língua portuguesa”, afirmou Virgílio.
    Como conselheiro especial, ele terá um salário mensal bruto de R$ 16.500.”

    Comentário por Ramsés II — 25 maio 2011 @ 18:05 | Responder

    • Pré e pós claro Mestre e fundador do Instituto Rio Branco,

      Conselheiro Especial sem nenhuma especialidade nas embaixadas brasileiras quereria dizer, na língua da mundiça, aspone?

      Comentário por Don Joze de Pan y Agua — 26 maio 2011 @ 11:00 | Responder

    • Nobre faraó.

      Ainda bem que a boquinha se dará em terras lusófonas, melhor ainda na de Bocage. Facilitará, sobremaneira, a capacidade de articulação verbal da célebre figura e também grande pugilista, Artur “Demolidor” Virgílio.

      Saudações

      Comentário por De Vaneio — 27 maio 2011 @ 10:03 | Responder

    • “A intenção pode ter sido a melhor possível, mas eu expliquei que não podia aceitar uma coisa que achei pequena”.

      Pudera: o viril amazônida gosta de tudo grande!

      Comentário por Almirante Walter Füdher — 27 maio 2011 @ 14:08 | Responder

  8. Filologo Mestre, Perito em Aplicacoes Linguisticas, Professor Hariovaldo,

    Ser-lhe-emos (epa!) eternamente gratos por nos apresentardes um bom combatente do putrido bolchevismo lulo-dilmoso.
    Estamos salvos, por Escriva de Balaguer e Bemgordini de Guarulhos.

    PS – estou usando uma maquina imoportada informalmente, cujo teclado estou preferindo deixar configurado para uso da lingua-mae dos homens bons.

    Comentário por Don Joze de Pan y Agua (I) — 25 maio 2011 @ 18:07 | Responder

  9. Aos 2:08seg. o Prates escorregou e tascou um; “oceis não terão compreensão da realidade”

    Comentário por Milk — 25 maio 2011 @ 18:26 | Responder

  10. Quem vendeu o diploma,o mestrado e o doutorado em Filosofia para este cara?

    Comentário por Tiago Silva — 25 maio 2011 @ 18:44 | Responder

    • Acho que foram os mesmos elementos que arrumaram os diplomas do serra.

      Comentário por Cachorrinho Pulguento — 26 maio 2011 @ 02:32 | Responder

      • E também a cerdidão de nascimento do filho do Boca de Suvac…, digo, do Príncipe dos Sociólogos.

        Comentário por Almirante Walter Füdher — 27 maio 2011 @ 08:16

    • Não houve venda alguma de diploma(s), existem sim ghostwriters. Uma lorpa desta se presta apenas a expor sua mísera imagem e meneios para os prazeres incontidos das “zelites”, daquelas de novos ricos em busca de pseudo-ídolos, boçais todos a serviço da busca da nova classe média prometida pelo nobre sociólogo / ociólogo da Caverna do Ostracismo, o Lamparina de Alexandria.

      Saudações

      Comentário por De Vaneio — 26 maio 2011 @ 09:50 | Responder

      • Caro De Vaneio, saudações
        Por falar em maneios, acho muito interessante os “maneios” da apresentadora do “Roda Viva”.Pensei em contratar o coreógrafo que criou o exuberante novo modelo de apresentação de programas televisivos.Por ser moderno às vezes me assusta, pois só falta aquela moça branca de olhos azuis se transportar pra minha poltrona.

        Comentário por augustus — 26 maio 2011 @ 12:12

  11. Elitista Doutrinador,

    ” Pouco se me dá que o muares elitistas claudiquem o que me apraz é acicata-los”

    Que delícia…….temos que fundar uma ONG para proteger esses caras………..

    Comentário por zelulinha — 25 maio 2011 @ 18:54 | Responder

    • Já temos. Não uma ONG nos conformes vigentes, mas temos o Ibama. Serve??

      Comentário por H. ROMEU PINTO — 26 maio 2011 @ 09:50 | Responder

      • Pensei no Instituto Butantã.

        Comentário por Almirante Walter Füdher — 27 maio 2011 @ 08:18

      • Pensei no Zoológico de São Paulo. Cairá como uma luva (de quatro mãos). Servirá com toda a certeza.

        Comentário por Viscount Des Schwarzen Goldes — 31 maio 2011 @ 21:37

  12. Felicíssimo Mestre,

    As coisas começam a entrar no eixo. Senão vejamos os finalmentes.

    Alvíssaras!!

    Comentário por fontinatti — 25 maio 2011 @ 19:30 | Responder

    • prezado amigo fontinatti,
      por um instante fiquei meio na dúvida. depois me lembrei:
      antigamente era o eixo que entrava nas coisas…..
      e os finalmentes demoravam, kidilícia.
      alvissaras para vc tb.
      ……
      huck vem ai. de taxi.

      Comentário por emerson57 — 25 maio 2011 @ 19:53 | Responder

  13. Raciocínio brilhante como sempre. Após 21/12/2012 Bolsonaro presidente, Olavo vice, Prates ministro da Educação. Pela volta da tortura e da palmatória nas escolas. O SBT sempre foi disseminador da cultura para as elites, dos “bons gostos e talentos especiais”. SBT “qualidade excelsa” repleta de “personalidades atraentes”.

    Comentário por Centro-centrista Bem Equilibrado — 25 maio 2011 @ 19:47 | Responder

    • Daqui a 2000 as pessoas falarão desses grandes pensadores: Prates, Bolsonaro, Olavo, R.Cabeção, Serra, Sir Ney e lamentarão condoidamente não ter vivido nessa era de ouro da convivência de tantos gênios.

      Comentário por Quase-Duque de Itapura — 26 maio 2011 @ 18:53 | Responder

  14. Mi fala aqui,genti: Ocêis compraria um carru dessi homi?
    Sustei cum eli i achu qui num vô drumi sanoiti!

    Comentário por Marianarfa di Pai e Mãe — 25 maio 2011 @ 19:56 | Responder

  15. Ele, de novo!

    Sim, todos nós deveríamos e, principalmente, mereceríamos conhecer as normas gramati-cais deste que é nosso idioma oficial. Para tanto, a educação formal – tutelada pelo Estado – deveria possibilitar ex nunc que tal dever se concretizasse. Não o fez como deveria – optou por passar o ponto.
    Quem se atreve a afirmar que aquilo que lemos e ouvimos, seja para nos divertir, nos en-treter ou nos informar consolida ou minimamente nos direciona ao domínio da língua culta?
    A imprensa em geral deve agradecer aos céus pela falta de senso crítico e analfabetismo funcional da boa gente brasileira, pois é isto o que os mantém.

    Analisemos os fato:
    – Sob o viés de “obrigação”, válido é dizer que os programas de televisão, rádios, jornais e revistas, mais do que as instituições de ensino e os pais (devido ao maior tempo a que ficamos expostos aos apelos desta ora chamada mídia) teriam a responsabilidade legal de transmitir SEMPRE esses saberes que fazem com que pessoas se tornem dignas de perten-cer à elite ( muito embora pareça-me que “elite”, por definição, equivale a uma minoria e não a sociedade como um todo – não estamos falando de saldo bancário);

    – Oras, as novelas, por exemplo, sabidamente criadoras de hábitos e costumes reproduz a fala da gente inculta e seus tantos hábitos recrimináveis;

    – Sendo isto verdade (e é), pode-se dizer que quem produz novelas divulga o erro, os mal hábitos e colabora ativamente para a corrupção do bom falar, da pureza do idioma pátrio e difunde em larga escala a perversão dos bons costumes.

    Cadê a responsabilidade social? Estão analfabetizando as criancinhas e adultos indefesos.

    Conhecer o regramento linguístico é perceptivelmente diferente de desenvolver senso crítico, de análise de texto e de contexto e aqueles que insistem nesta “venda casada” só o fazem para tentar agregar valor ao argumento – comparável ao bom e velho “comunista come criança”.

    A elite referenciada na fala deste quase lord, não frequenta colégios públicos e balbucia em outros idiomas, logo, não está nem um pouco interessada com isso e o que se ouve é trololó político, oportunismo midiático e “wiskas sachê” (li isso onde?!?).

    E que patacoada é essa de “acordo ortográfico”???? Quem foi que concordou com isso? O portugueses eu sei que não.

    Ah, vão fazer serviço voluntário ou catar coquinhos!

    Comentário por Minima de Malis — 25 maio 2011 @ 20:07 | Responder

    • Cara Mínima,
      O correto é: Blá blá blá e Wiskhas sache. É nisto que pode ser resumida a Fala deste plates.

      Comentário por Cachorrinho Pulguento — 26 maio 2011 @ 02:35 | Responder

      • Com sua licença, vou adotar a expressão.

        Comentário por Minima de Malis — 26 maio 2011 @ 21:13

      • pulguentinho, e a fala desta mulher boníssima? Whiskas cowboy?

        Os maconheiros não se lembram dela. Modo zumbi, p fvor.

        Comentário por vipissima — 27 maio 2011 @ 15:12

      • Filleule cher Vipíssima, la plus grande,
        Anos e anos sem ninguém ouvir a voz do povo disse a Coisa, e se não está tudo bem é porque ainda não terminou.
        Grande!
        É por isso, só agora entendí, que a boa mulher se mudou para os esteites.
        Licença, vou dar une petit vomi et je serai de retour!
        Voila!!!

        Comentário por Ramsés II — 27 maio 2011 @ 16:57

      • Prezada vipissima,

        Cruz credo! Pé de pato mangalô treze vezes (3 é muito pouco)!
        Foi só eu falar num filme trah (Zumbee, o despertar dos mortos); que me enviam esta persona nom grata para me aterrorizar? A mizélia cardoso de melo… aquela pu… ops, digo aquela que confiscou as poupanças e deixou o povo e os empresários numa situação tão braba que estavam matando cachorro a grito… (Sai vivo, mas meio surdo).
        Tendo como nome zélia (diminutivo de mizélia) e carregando os sobrenomes dos dois fernandos que junto e seguidamente estavam ferrando a nação; tinha que dar em tragédia.

        – A fala dela não valia uma whiskas sache, era só bla bla bla…

        – Quanto aos maconheiros… nós estávamos bem, viajando…

        Comentário por Cachorrinho Pulguento — 27 maio 2011 @ 19:00

  16. Linguistico Mestre
    Só neste sitio vejo essas coisas. És um garimpeiro das riquezas ocultas dos homens bons. Alvíssaras

    Comentário por Opus Dei — 25 maio 2011 @ 20:12 | Responder

    • Até pouco tempo atrás não acreditava que o “respeitável” senhor e ex-presidente da república não era apologista e usuário de drogas. No sítio dos homens maus (PHA), soube que o Sr.Ex-Excelentíssimo e Excelso, faz veemente defesa e panegírico das drogas.O ex-presidente Fumando (sic) Henrique Cardoso, comprovou as minhas suspeitas. Não tenho mais dúvidas. Ele é usuário contumaz da planta herbácea da família das canabidáceas [Cannabis sativa (v. cânabis] !!!
      Agora sei a causa do formato oblongo (quase quadrado) da boca do Sr. “Fumando” Henrique Cardoso!!!

      Comentário por Viscount Des Schwarzen Goldes — 31 maio 2011 @ 22:18 | Responder

  17. O problema maior não seriam erros de fala e escrita, mas erros conceituias. Coisa de gente que fala do que pensa entender, faz pose, mas não domina o assunto de que trata.
    Não sabem que Linguística é uma coisa, gramática é outra; que Linguística é ciência, estuda o objeto como ele se apresenta, é descritiva. Gramática é normativa. Explicado isso para críticos afoitos e ignorantes (no sentido de não terem se informado de aspectos importantes daquilo que ousam tratar, alguns chegaram a falar até em linguística “errada”). Está mais que na hora de chamar esa gente de “INGUINORANTE”! Com todas as letras e mais uma!
    Não aguento mais gente que ouviu cantar o galo, mas não sabe onde!

    Comentário por Marianarfa Inguinoranti — 25 maio 2011 @ 20:20 | Responder

  18. Essi zé é um indiota, eu falu certu e tem muitas gente que entendi erradu e naõ mim conheci.
    Troxa!
    anda por cima fala elités. eu acho que é paca.

    Comentário por zeruela minero barsileiro — 25 maio 2011 @ 22:05 | Responder

  19. Este pulha, reles boca de lata da direita putrefata em poucos instantes de puro ataque de flatulências, peidos na verdade, prova que não leu e se o tiver feito não entendeu nada, nada, nada e eu quero é ver Irene dar sua risada…

    Comentário por Conde do Itaim Paulista — 25 maio 2011 @ 22:20 | Responder

  20. Veja só o que faz a fofoca;a semana passada um cidadão na fila do banco disse que sabia de fonte segura que este rapaz estaria trabalhando no controle de qualidade de uma empresa fabricante de camisa de força.

    Comentário por Lau Mendes — 26 maio 2011 @ 08:01 | Responder

  21. Poema singelo em homenagem ao Onanista Pestista da Esquerda Pútrida :

    “o onanista otimista é um trocista e idealista que conquista na revista a lista de artistas com vista à conquista da cronista, um duelista que deixa pista”.

    Comentário por Anderson — 26 maio 2011 @ 09:31 | Responder

  22. […] Filósofo brasileiro restabelece a verdade e cala os esquerdistas invejosos da elite nacional. … Read More via Professor Hariovaldo Almeida […]

    Pingback por Reestabelecida a verdade linguística (via Professor Hariovaldo Almeida Prado) | Beto Bertagna a 24 quadros — 26 maio 2011 @ 10:32 | Responder

  23. Extra !! Desta vez vai : mulher boa, filha do Fujimori ultraprassa o concorrente “O Mala” e agarra o Peru em sua parte mais sensível o voto torto para o lado direito. Keiko não amarelou nas pesquisas, provando que filha de peixe, ceviche é. Vamos brindar com muito pisco sauer.

    Comentário por Pe. Iscariotes — 26 maio 2011 @ 10:57 | Responder

    • Piscoso e Piscosaurento Iscariotes,

      ceviche para a plebe ignara, caviar para nós, Homens Bons!

      Comentário por SáeBenevides — 26 maio 2011 @ 11:18 | Responder

    • Nobilíssimo Pároco,

      Tendo em vista os dissabores que o poder feminil tem nos trazido, fica a pergunta:

      Será que a japa vai saber guiar o Peru na direção certa?

      Comentário por Professor Temístocles Sabóia Filho (o bom) — 26 maio 2011 @ 12:48 | Responder

      • Professor: se essa herdeira da corrupção andina conseguir ganhar o pleito o que vai ter de piada besta não se conta nem em gibi!!! Alvissaras!!!

        Comentário por Comendador Phyntias — 26 maio 2011 @ 13:34

      • Nobre e sapiente Professor Sabóia,
        Esta moda sul-americana de delegar o poder máximo ao sexo frágil está indo longe demais, querem agora entregar o Perú à guarda femininina. O sr. entregaria à raposa, a tarefa de vigiar o galinheiro ? Preocupante a atitude do Incauto eleitor peruano (Incauto = descendente dos Incas) optar por uma linhagem direta do Sr. Fugimori, que no passado, conduziu a política dura no Peru. Creio outrossim, que Keiko mesmo com “mãos de ferro” não saberá conduzir de forma carinhosa aquele país. Amém.

        Comentário por Pe. Iscariotes — 26 maio 2011 @ 14:59

      • Carissimos confrades e comfradas,

        Usando luvas de pelica em suas maos de ferro, a boa senhora Keiko fara o Peru crescer.

        Que Sao Serapiao mostre o Peru ao mundo.

        Comentário por Don Joze de Pan y Agua (I) — 27 maio 2011 @ 05:18

    • Grande notícia, ibopiano Vigário.

      Proponho a criação do MPB – Movimento pela Perulização do Brasil, que haverá de levar o Serra Fujimori ao seu destino.

      Tora, Tora, Tora…

      Comentário por Almirante Walter Füdher — 27 maio 2011 @ 08:23 | Responder

  24. Caramba, como tem doido neste blog. Se cercar vira hospício, se cobrir vira circo. Vocês fumam cocaína e cheiram maconha antes de escrever essas coisas?

    Comentário por Dunga O Colossal — 26 maio 2011 @ 11:10 | Responder

    • Bem vindo Dunga ! Por falar em circo, chegastes em boa hora para o campeonato de arremesso de anões, promovido pela sociedade hariovaldiana liliputianista. O pseudo-acessório colossal será usado como alça.

      Comentário por Pe. Iscariotes — 26 maio 2011 @ 11:59 | Responder

    • Minusculo Dunga,

      Serias tu aquele que mora com outros seis rapazes em um cafofo?

      Comentário por Professor Temístocles Sabóia Filho (o bom) — 26 maio 2011 @ 12:53 | Responder

      • E com a Branca de Neve que cuida muito bem da gente. Eu mesmo professor doidão.

        Comentário por Dunga O Colossal — 26 maio 2011 @ 14:02

    • Mais respeito, ô anão! Aqui não se cheira nem se fuma nada. Aqui se raciocina e exercita-se a democracia. O senhor, sim, parece fumar coisa estragada pelo mau humor! Junte-se aos “capitis diminutus” e nos deixe na santa paz de Escrivá e São João P2!!!

      Comentário por Eleutério Boanova — 26 maio 2011 @ 13:38 | Responder

    • Pequeno Sunda,

      Acho que te enganastes de sítio. Onde se cheira, fuma e “otras cositas más” é no endereço a seguir:

      http://www.aecioneves.com.br/

      Comentário por Almirante Walter Füdher — 27 maio 2011 @ 08:26 | Responder

      • Apoiado Almirante Walter Füdher!! E se isso só já não bastasse, esse sujeito do sítio http://www.aecioneves.com.br/, tem como professor catedrático o Ex-Excelentíssimo e Excelso Sr. Fumando (sic) Henrique Cardoso. No sítio dos homens maus (PHA), soube que o THC (novo apodo de FHC) faz veemente defesa e panegírico da planta herbácea da família das canabidáceas [Cannabis sativa (v. cânabis]!!!
        Agora sei a causa do formato oblongo (quase quadrado) da boca do Senhor “Fumando” Henrique Cardoso!!!

        Comentário por Viscount Des Schwarzen Goldes — 31 maio 2011 @ 22:58

  25. nanico dunga,
    em ti, tudo é pequeno. Cresça e apareça!

    Por Serapião!

    Comentário por SáeBenevides — 26 maio 2011 @ 11:19 | Responder

    • Meste SáeBenevides: será que esse Dunga tem a ver com aquel´outro?

      Comentário por Comendador Phyntias — 26 maio 2011 @ 21:25 | Responder

      • Emérito Comendador,

        parece-me que sim. Há traços em comum, notadamente a subserviência aos que ocupam o poder, ainda que os poderosos sejam Emissários do Maligno!

        Por São Gregório Magno, protetor dos Comendadores!

        Comentário por SáeBenevides — 26 maio 2011 @ 21:55

  26. Grande mesmo é a inguinorância de vocês seguidores de São Serapião, do FHC boca de suvaco, do chuchu da Opus Dei e do careca do Tietê. Este é um blog de doidões da TFP, da Opes Dei, das Senhoras de Santana, todos hariovaldinos militantes. Mas que vocês são engraçados…isso são mesmo. Este blog está mais para circo do que para hospício.

    Comentário por Dunga O Colossal — 26 maio 2011 @ 14:07 | Responder

    • Engraçados????

      NUNCA!!!
      NUNCA!!!
      NUNCA!!!

      Seu anão bolchevique.

      Bem que eu desconfiava que esse negócio de sete pessoas dividir uma casa era coisa de comunista.

      Vocês, vermelhotes, vivem dizendo que este santo pergaminho é engraçado, que é de humor, entre outas sandices.

      Este sacrossanto locus não serve ao vis gracejos aos quais os petelhos bebedores de cachaça estão acostumados, mas ao mau-humor, à sisudez, às rugas de expressão de todo tipo.

      Pensa acaso que somos quem? Tiririca? Bozo, o clown?

      Se queres rir, vai aos blogs sujinhos. Ali sim, encontrarás toda sorte de esgares gracejantes, de anedotas.

      Se queres rir, vá ler as crônicas do Comunista das autopeças, do turco bolchevique, ou de Paulo Henrique, aquele que fugiu da globo para abraçar a vermelhidão atroz, ou ainda o panfleto do Mino Carta, que foi expulso da Veja quando prometeu defender o molusco com a própria vida.

      Ria, ria, mas bem longe daqui!!!

      Humpf…

      Comentário por Professor Temístocles Sabóia Filho (o bom) — 26 maio 2011 @ 15:11 | Responder

      • Boníssimo (o bom)

        conte com minha solidariedade.

        Se um bolchevique inteiro já é lixo, mais imundo é um ananicado Dunga, um meio-bolchevique.

        Humpf…, humpf…

        Comentário por SáeBenevides — 26 maio 2011 @ 15:46

  27. Mestre, caros Confrades e Confradas:

    E eu que achei que o Prates havia sumido do mapa (talvez tivesse “sido sumido” por algum membro dessa esquerda pútrida).
    Eis que, agora, quando abro este santo lócus encontro o bom e moderado Prates, novamente, usando sua fina linguagem para desqualificar esses ignóbeis que não usam a norma culta. Melhor do que esta matéria do Prates, só aquela em que o mesmo falava sobre os miseráveis que não leram nenhum livro, e compram um carro.
    Fiquei deveras emocionado. Acho que vou enviar uma missiva eletrônica ao homem do baú (ou a sua afiliada em Florianópolis) agradecendo ao mesmo a oportunidade de termos, novamente, as sempre sábias opiniões do Philósopho Prates.
    Por sinal, ele deve ter sido aluno do Magnoli, pois assim como este, Prates opina e fala sobre tudo.
    Precisamos, urgentemente, dar ao moderado Prates a Comenda “Oráculo de Delfos” (se a mesma não existir, precisamos criá-la para tal intento), pois o mesmo é mais sábio que o Google!! Tudo que se perguntar ao Prates ele tem resposta!!
    Alvíssaras, mil vezes alvíssaras! Nossas orações a Escrivá de Balaguer e a São Serapião surtiram resultados: Prates está de volta!

    Comentário por D. Sebastião — 27 maio 2011 @ 00:00 | Responder

    • Querido Dom Sebastião:…. Dom Sebastião é coisa nossa…. mas que vai vai, mas que vai vai….

      Hahahaha!!!!….hihihihi….. Roque… Roque…. cadê minha bengala? Dom Sebastião, contratei a figura aí porque minha filha número quatro disse que ele era muito bão!!!! Eu não ví ele falando, mas minha filha número três disse que ele só fala coisas inteligentes.

      Só não gostei é que disseram que ele vive a desancar o pessoal que não lê livro e anda de carro 1.0. Ora, mas pode isso? Justamente é esse povo, minhas colegas de trabalho, é que assistem meu programa e compram o carnê do Bau e a Telesena! Preciso conversar com esse rapaz. Oiiiiii!!!!

      Saudações!

      Comentário por Silvio Santos — 27 maio 2011 @ 07:11 | Responder

      • Baunesco SS.

        Folgo em saber que não deixastes o Prates dependente do seguro-desemprego, nem do fome zero (já que, por certo, Prates não deverá ter filhos em idade escolar para auferir o bolsa-escola – soube de fonte segura que um dos filhos do mesmo foi Assessor do Rui Barbosa).

        Assim, caro SS, tenha a gratidão da comunidade hariovaldiana por ter ressuscitado um “cadáver insepulto”, haja vista que o Prates havia sumido dos nossa Proba Imprensa Gloriosa (PIG).

        Comentário por D. Sebastião — 27 maio 2011 @ 10:14

      • Confrade Abravanel,

        Parabenizo-te, juntamente com El Rey, por reconhecer os talentos do grande pensador Prates. Sugiro que faças um quadro com ele na Praça.

        A propósito, estou me desfazendo de umas terras que papai deixou para mim na Calábria e pretendo investir o dinheiro. Não tens por aí mais algum banco que queiras vender?

        Comentário por Professor Temístocles Sabóia Filho (o bom) — 27 maio 2011 @ 12:45

  28. nai-nai,

    Comentário por vipissima — 27 maio 2011 @ 00:30 | Responder

    • Peter Gabriel… um nenen praticamente e pensar que eu tava lá….antes daqueles árabes horrorosos imigrarem aos bandos pra London.
      Duvideo-dó, confrades, que a Rainha deixe ficar trocando sua língua. Tb. compara.

      Comentário por vipissima — 27 maio 2011 @ 00:49 | Responder

  29. Meu Deus, o cara saiu de uma emissora e foi pra outra????

    Comentário por Augusto — 27 maio 2011 @ 00:45 | Responder

    • Nobilissimo Augustus: e o homem do Bau já começa a vender lojas! É o efeitpo “retardado” dessa coisa lá em cima….

      Comentário por Comendador Phyntias — 27 maio 2011 @ 10:17 | Responder

  30. Quem financia esse sujeito????

    Comentário por Augusto — 27 maio 2011 @ 00:47 | Responder

    • Mestre Hari, bien sur.

      Comentário por vipissima — 27 maio 2011 @ 14:46 | Responder

  31. mestre inqualificável:
    o filósofo em tela, certamente um líder no combate à esquerda pútrida, poderia
    informar-nos da condição intrínseca à pintura capilar que usa. pela qualidade dela se vê ser pessoa de gosto refinado. que Santa Vipíssima nos salve disso.
    deste pupilo fiel
    romério rômulo cordeiro campos valadares castelo branco souto maior y vanderburgh

    Comentário por Romério Rômulo — 27 maio 2011 @ 00:47 | Responder

    • Caríssimo RR, após algumas talagadas do seu absinto, eu viro qualquer coisa, até santa. Que São Serapião nos ensine -a mim e a irmã Dulce- as alucinações absínticas.

      Comentário por vipissima — 27 maio 2011 @ 14:51 | Responder

  32. Pensei que esse cara nunca mais voltaria para a televisão.

    Comentário por Augusto — 27 maio 2011 @ 00:50 | Responder

  33. Se Adoniran fosse vivo em que classe social o imbecil do Prates o colocaria?

    Comentário por Adilson — 27 maio 2011 @ 03:01 | Responder

    • Com certeza ele seria enquadrado como da esquerda putrida e taxado de miseravel que nunca leu um livro e anda de 1.0. (desculpe a falta de acentos, digito num micro de pobre emprestado pois estou em transito).

      Comentário por Padre Quevedo — 28 maio 2011 @ 18:33 | Responder

  34. 47.Deu no blog Amigos do Brasil: “Empresa da filha do José Serra cresceu 50.000 vezes em apenas 42 dias”. Não é em vão que ele é chamado de “Jênio”. Diante desse fato a Presidente Dilma deveria demitir o Palloci por ser incompetente, pois o aumento patrimonial de sua empresa perante a empresa da filha do “Jênio” é ninharia.
    Eis o link da matéria: http://osamigosdobrasil.com.br/2011/05/25/empresa-da-filha-do-jose-serra-cresceu-50-000-vezes-em-apenas-42-dias/

    Comentário por Adilson — 27 maio 2011 @ 03:10 | Responder

    • Uai… tá resolvido 2014. Viva a cerrinha datadantas.

      Comentário por mineirimdibeagá, obão e dibenziroyces — 27 maio 2011 @ 08:46 | Responder

  35. Vídeo proibido da Rede Globo sobre o Presidente Lula. Do blog Amigos do Brasil:
    http://osamigosdobrasil.com.br/2011/05/16/exclusivo-video-proibido-da-globo-sobre-lula/

    Comentário por Adilson — 27 maio 2011 @ 03:21 | Responder

  36. Mestre Hari , confrades e fabricios .
    Não temais pelo futuro , pois de Sumpaulo de Pyratininga surge um salvador .
    http://humoralheio.blogspot.com/2011/05/projeto-de-lei-do-dep-tiririca-e.html
    Agóra a choldra poderá se expressar sem medo de errar . É uma finesse !

    Comentário por T. Melo Rego — 27 maio 2011 @ 03:22 | Responder

    • Eu vi.

      Comentário por vipissima — 27 maio 2011 @ 15:52 | Responder

  37. por Urariano Motta, em Direto da Redação

    Nos últimos dias, na gente mais educada causou espécie, para não dizer causou urticária, o livro didático “Por uma vida melhor”, que ensinaria a falar errado. No entanto, ninguém se levantou, nem perdeu a paz de espírito, quando um ilustre desembargador, faz alguns anos, achou por bem escrever um dicionário para as empregadas domésticas. É fato.

    Atropelos e apelos de títulos não faltaram ao ilustre dicionarista. Erudito em Direito Civil, filiado à Associação Paulista dos Magistrados, escritor de verve, ele assim gracejou em artigo no jornal dos seus pares:

    “Ele ligou para sua própria casa. A empregada era nova. Ele não a conhecia. Sua mulher, a Esther, digo (ou ele diz), dona Esther, tinha acabado de contratar. A moça era do norte. De Garanhuns. Nada contra, mas….sabe como é. Nós, brasileiros, sabemos! O patrão morava num sobrado. O telefone da residência ficava num nicho, embaixo da escada. No décimo segundo toque a Adamacena, a tal da empregada, atendeu: ‘Alonso!’ Na dúvida, o dono da casa perguntou: ‘De onde falam?’ Ao que a Adamacena respondeu: ‘Debaixo da escada!’ Foi aí que ele começou a catalogar as expressões da serviçal…”

    Na continuação do texto, para melhor diálogo com as inferiores, o preclaro e excelso organizou este pequeno dicionário das empregadas, para ser lido pelas classes cultas, do gênero e classe dele no Brasil:

    Denduforno – dentro do forno

    Dôdistongo – dor de estômago

    Doidimai – doido demais

    Dôsitamu – dor de estômago

    Gáscabô – o gás acabou

    Iscodidente – escova de ente

    Issokipómoiá – isto aqui pode molhar

    Ládoncovim — lá de onde que eu vim

    Lidialcom – litro de álcool

    Lidileite – litro de leite

    Mardufigo – mal do fígado

    Mastumate – massa de tomate

    Nossinhora – nossa senhora

    Óikichero – olha que cheiro

    Óiprocevê – olha pra você ver

    Óiuchêro – olha o cheiro

    Oncotô – onde que eu estou

    Onquié – onde que é

    Onquitá – onde está

    Etc. etc. etc

    http://www.viomundo.com.br/voce-escreve/urariano-motta-e-o-dicionario-das-empregadas-domesticas.html

    Comentário por Sir Roderick — 27 maio 2011 @ 06:57 | Responder

    • Sôsir, sôvai mi discupá, mais esse trem aí encima é cuméqui nós falamo aqui em Minas Gerais. Onquicetá qui não percebeu?

      Comentário por mineirimdibeagá, obão e dibenziroyces — 27 maio 2011 @ 08:56 | Responder

    • Homi di deus,

      O sinhor javiu falá da minina que ninguem sabia u nomi até arguem perguntá
      pru mineirim???? cumé qui ela CHAMA????? ISTRATELADIQUINA……….
      ISTRATELADIQUINA perguntou di novu…….issu memo lá em podicarda
      eis trata ela di quina, nomi breviadu de Joaquina……intendeu????
      Essas impregada ai di cima sao tudo de podicarda, da grama, da nossa regiao la na
      serra da mantiquera;;;;;lugarzim bao dimais sô…

      Comentário por zelulinha — 27 maio 2011 @ 21:03 | Responder

  38. Pedagiosos Mestres,
    vejam que no blog daquele vermelhote do Mino estão a dar idéias de Giricos, ou melhor, Chirico, ou ainda melhor para o mais preparado:

    Outra opção
    Pedágio deixa transporte aéreo mais barato que carro em algumas regiões
    O trajeto de cinco horas com automóvel entre Ribeirão Preto e São Paulo sai, em média, por 100 reais, enquanto a viagem aérea custa R$ 108 e leva menos de uma hora.

    Já havia alertado antes, vamos ter que pedagiar os aeroportos, terá uma TAXA de entrada e outra de Chegada senão a escumalha deita e rola entupindo os lugares dos homens bons e de bens…

    Eu tinha alguma coisa que fazer em Black River mas o meu contato me mandou uma mensagem muito esquisita, tipo “A casa caiu” não sei o que isso significa…Mestre, há tornados, sem ser o Tony, em Black River???

    Comentário por Francisco A. Lisboa — 27 maio 2011 @ 08:27 | Responder

    • Confrade Lisboeta:

      A taxa de utilizaçao dos aeroportos já existe. Mas, concordo com Vossa Mercê: temos que, além da taxa de embarque, ter a taxa de desembarque (algo em torno de R$ 1.000,00 cada). Só assim a choldra saberá que avião não é para qualquer um. Assim, também, nossos jatinhos poderão descer e subir dos aeroportos tupiniquins sem riscos, e sem esperar, às vezes, meia hora para conseguir uma pista.

      Comentário por D. Sebastião — 27 maio 2011 @ 10:10 | Responder

  39. Preclaro Mestre :

    Só mesmo a atraentíssima personalidade do Sr. Prates para nos demonstrar a nobreza da norma culta. Alvíssaras !

    Comentário por Myikhaella de Etteilla — 27 maio 2011 @ 08:31 | Responder

  40. Quem não gostaria de ter um pai tão esclarecido como o Senhor Professor Prates?
    Papai sabe tudo, lembra?
    Prates sabe muito mais.
    E é psicólogo!

    Comentário por Ramsés II — 27 maio 2011 @ 17:17 | Responder

    • Caro Pharaó:

      Quanto tiver uma dúvida, pergunte a Deus (ele sabe tudo).

      E, se algum dia Deus tiver uma dúvida, Ele perguntará ao Prates.

      Comentário por D. Sebastião — 28 maio 2011 @ 01:06 | Responder

  41. Pelas polainas de Pickwick!

    ”E o fascismo é fascinante deixa a gente ignorante e fascinada.
    É tão fácil ir adiante e se esquecer que a coisa toda tá errada.
    Eu presto atenção no que eles dizem mas eles não dizem nada.”

    As rimas são pobres, mas Branca de Neve ainda é a mais bela e eu estou mais para travesseiros, soltos roupas pelo chão…

    (Padre, perdão porque eu peguei!)

    Que Greensleeves embale seus sonhos.

    Comentário por Mare Hollysmoke — 27 maio 2011 @ 21:01 | Responder

  42. Cara,

    Na real? Eu não discordo deste cara não…

    Comentário por Bartira — 4 junho 2011 @ 11:49 | Responder


RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: